Visitando o Japão epi 2: Harutaka

Oi gente!
Dando prosseguimento a viagem gastronômica do Will pelo Japão, hoje veremos a review do Harutaka, atual número #3 do Japão e número #2 de Tokyo segundo ranking do site japonês tabelog!
[divider]

Para aqueles que tem curiosidade em saber esse restaurante também possui duas estrelas do guia Michelin, lembrando que o guia Michelin não é utilizado pelos japoneses, e no seu lugar utiliza-se o ranking do tabelog que mencionamos acima.
O Harutaka Takahashi é considerado o melhor discipulo do Jiro Ono, o dono do Sukibayashi Jiro que teve o famosíssimo documentário Jiro Dreams of Sushi gravado em 2011 sobre seu restaurante. Note que o próprio Jiro costuma jantar no Harutaka, pois ele fica aberto até mais tarde no bairro de Ginza.
O local é pequeno, praticamente do mesmo tamanho do Sushi Kan aqui de São Paulo. No balcão você encontra duas pessoas, o próprio dono do local Harutaka Takahashi que cuida do corte dos sushis e um outro rapaz que cuida dos sashimis.
Logo na chegada te perguntam o que você deseja beber, existem opções de champagne, vinho e nihonshu (vulgarmente chamado de sakê). Eu escolhi uma garrafinha de nihonshu seco enquanto aguardava começar a série.
No menu só existem 2 opções, omakase de sushi ou omakase de sushi + sashimi, eu optei pelo segundo.
A série começa com um aperitivo, edamames fora da folha e temperados. Logo depois já são servidos os primeiros sashimis e depois os sushis. Sendo a ordem deles foi a seguinte:
Sashimis:
Hamaguri, Tako, Kamasu(Barracuda), Hirame(Linguado) + Awabi(Abalone) + Marisco grelhado, Kinmedai,
 3 Tipos de Uni: Ilha Iki, Karatsu e Ilha Awaji, Katsuo(Bonito).
Sushis:
Karei, Kisu, Akami, Chu-Toro, O-Toro, Kohada, Madaka Abalone, Aji, Kurumaebi, Kobashira, Kasugo, Akagai, Tamago e um que não me lembro!
De modo geral, todos os peixes tem um gosto diferente dos que são servidos aqui no Brasil, devido ao frescor dos pescados e da alta qualidade dos produtos disponíveis no mercado de peixes de Tsukiji. Os mais atentos devem ter percebido que a grande maioria dos pescados nem existe no Brasil.
Alguns destaques! O mais comum no Japão é encontrar o Uni de Hokkaido, considerado por muitos o melhor disponível no país. Nessa ocasião tive a oportunidade de experimentar três Uni diferentes servido com sal (Pescados na Ilha Iki, Karatsu e Ilha Awaji). Sem dúvida foi uma experiência incrível, cada Uni possui uma textura e sabor diferentes, coisa de outro mundo! Outro destaque é o tamago que exige, conforme é possível ver no documentário Jiro Dreams of Sushi, quase 5 anos de prática para aprender a executá-lo com perfeição. Todas as porcelanas, incluindo os recipientes de Shoyu são feitos sob encomenda e personalizados.
No final minha conta deu 32,000 ienes, contabilizando um omakase de sushi+sashimi, uma garrafinha de nihonshu + impostos. Ou seja, uma bica, mas afinal, quando voltarei lá?
Sushi Harutaka
3F, Ginza Kawabata Bldg, 8-5-8 Ginza, Chuo-ku, Tokyo
Tel: 03-3573-1144
Preço: ~30,000 iens
Abraços e até a próxima!
Will

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *