Mirai Lamen: no Itaim também tem Lamen

Aqui é o Marcelo Asamura da loja Konbini Produtos Orientais , visitei o Mirai Lamen, a mais nova casa de Lamen do Itaim Bibi em São Paulo.

Fica muita bem localizada na Leopoldo de Couto, próximo aos melhores estabelecimentos da região.
Para quem não conhece esta rua, talvez com certeza se lembra do bar do Juarez na JK, o Mirai é bem perto de lá.

A casa foi inaugurada faz pouco tempo e o chef da casa é o Marcos Okazaki que já teve passagem por Izakaya e outros restaurantes.

Como a casa é nova, o cardápio ainda está sendo definido, mas o carro-chefe são os Lamens e o chef está desenvolvendo novos pratos como o Okonomiyaki (panqueca ou pizza japonesa), prato típico de boteco japonês que eu pessoalmente aprecio muito.

Vamos ao que interessa, o Lamen que eu pedi foi o Missô Lamen, gosto muito de Missô (pasta de soja), mas no caso de Lamen, é muito comum o caldo ficar enjoativo, mas não é o caso do Lamen do Mirai, o caldo é bem agradável e nada enjoativo.

Os demais ingredientes também são ótimos, o Chasu (carne de porco) tem um ótimo sabor, a combinação com Tigensai (acelga chinesa), Naruto (massa de peixe – kamaboko), Ovos com gema um pouco mole, Broto de feijão e Alga wakame, ficam ótimos em conjunto.

Além disso, experimentamos o KARAAGUE (frango frito ao estilo japonês) que é bem crocante e saboroso, combina super bem se você for acompanhar com uma cerveja ou um chopp. Inclusive, eles estavam com promoção de Chopp em dobro no dia, outro motivo para você visitar a casa.

Pedimos a anchova grelhada com um leve toque de azeite trufado, que estava grelhada perfeitamente acompanhando um porção de arroz bem servida com missô temperado no estilo de Okinawa, missô que eu achei bem delicioso.

Para quem gosta de pratos saudáveis, a casa oferece algumas opções de POKE, aquele prato no estilo havaiano que está em alta por todo o Brasil.

O Chef criou a sua própria versão do ONSEN TAMAGO, ovo cozido lentamente que fica com a gema mole e costuma ser servido com um caldo bastante saboroso. Para os fãs de ovo, esse ovo é imperdível, ainda não provei, mas provarei com certeza na próxima oportunidade.

O Chef está desenvolvendo uma receita de TAN TAN MEN, é um prato de origem chinesa, com um estilo diferente do tradicional ramen japonês, mas vale a pena conhecer.

Não consegui provar ainda todos os pratos, mas recomendo visitar essa casa de Lamen principalmente se você mora ou trabalha na região do Itaim, Vila Olímpia em São Paulo.

O Chef Marcos Okazaki me enviou alguns pratos da casa para você conhecer o trabalho deles:

Na próxima visita vou provar o Onsen Tamago e o Okonomiyaki e atualizo esse post para você saberem o que eu achei. Um Katsu Karê também vai muito bom no frio, quem sabe também experimento o Karê deles.

Vantagens:
Custo/Benefício, para a região, o preço é acessível.
Fica muito próximo de outros locais bacanas, você pode comer um Lamen e depois ir para um barzinho na região.
Se você trabalha na região, o local é uma ótima opção para almoçar. Já trabalhei na região e sei como é difícil encontrar bons lugares no Itaim para almoçar e que sejam acessíveis.

Desvantagem:
Como fui à noite, não é muito fácil de estacionar na região.

Endereço: Rua Leopoldo Couto de Magalhães Júnior, 777 – Itaim Bibi, São Paulo – SP

Curta o Facebook deles:
https://www.facebook.com/Mirai-Lamen-Itaim-Bibi-SP-968391310007757/

Imai Izakaya do Ronaldo Imai

Imai Izakaya, fora de rota, mas vale a pena

Aqui é o Marcelo Asamura da loja Konbini Produtos Orientais e hoje vou falar sobre o Imai Izakaya, é um Izakaya fora da rota, ou seja, não fica no Jardins, Pinheiros, Liberdade, Itaim ou Vila Olímpia. Ele fica na região da Cursino, para quem não conhece a Cursino, é uma avenida na região do Jardim da Saúde em São Paulo.

Bom, eu nunca teria conhecido o Imai alguns anos atrás, (é eu sei, demorei para publicar sobre ele), se não fosse um amigo coreano.
Pois é, coreano mesmo, logo que ele me falou que tinha um izakaya com pratos diferenciados naquela região, eu pensei: “esse coreano não sabe de nada, até parece”.

Depois dele insistir, eu acabei decidindo visitar o tal do Imai Izakaya, logo que cheguei, achei estranho porque é uma região bem residencial, você nem imagina que tem um restaurante japonês por lá, muito menos um Izakaya (boteco japonês).
Faz uns 2 anos atrás, era um restaurante simples (em meados de março de 2015), algum tempo atrás, eles reformaram e agora o izakaya tem um ambiente bem aconchegante.

Na época (2015), esse izakaya era um “achado”, se você não conhecer as pessoas certas, talvez nunca o encontraria.
Hoje em dia, muita gente conhece o Imai e alguns amigos vivem lá e não é por acaso, comida excelente e bebidas japonesas (saquê, shochu e cervejas) é o que garante que esse Izakaya fique sempre cheio.


Imagem: Auro Irasaka (fonte Google)

O Chef Ronaldo Imai prepara as iguarias do Izakaya, ele tem muita criatividade, consegue preparar pratos diferenciados com ingredientes exclusivos e em combinações improváveis.
Pedimos o Omakase que é o menu Degustação e neste dia (por sorte) tinha um belíssimo atum e dentre os pratos servidos tinha uma maravilho Chūtoro, ou seja, uma das partes mais nobres do atum que tem um sabor indescritível por ser a parte “gorda” do atum.
Então, vamos ao que interessa:

Saladinha de Frutos do Mar de Entrada.
Sashimi Selado de Atum com Molho Ponzu
Chu-toro batido com Ovas
Shimeji com Aspargos
Ceviche de Salmão ao molho de Wasabi
Gyutan (língua de boi)

 

Costelinha de Porco no Tarê
Polvo ao Molho Su Missô
Vieiras
Sashimi de Atum e Buri (Olho de Boi)
Um dos carros-chefe da casa: Tempurá de Shissô com Salmão e Ovas

Esse sou eu e o Chef Ronaldo Imai:  “esse chef virou um dos meus ídolos da culinária japonesa, menu diferenciado com ótimo custo/benefício.”

Recomendação final: visite o Imai, você não vai se arrepender.
Vantagens:
Menu Custo/Benefício e Menu de Iguarias.
Você escolhe se quer comer um Teishoku ou se está naquele dia para comemorar e pedir um Omakase.
O Chef é muito criativo, você vai experimentar pratos que não tem em outros lugares.
O clima é ótimo para comemorar tomando um saquê ou uma cerveja.

Desvantagem:
Fica longe das regiões mais badaladas de São Paulo, mas com certeza, vale a visita.

Endereço: R. Hipócrates, 139 – Cursino, São Paulo – SP

Visite o Facebook deles, tem algumas fotos de pratos que eu ainda não provei:
https://www.facebook.com/ImaiIzakaya/

“Acho que essa foto abaixo, deixa qualquer fã de Atum salivando.”

Momo Lamen: Gourmetsan visitou na Inauguração

Olá, tudo bom?

Aqui é o Marcelo Asamura da loja Konbini Produtos Orientais e vou aproveitar enquanto o local é novidade e o Lamen está FRESQUÍSSIMO para vocês conhecerem a mais nova Lamen House de São Paulo.

Estava eu na Liberdade, sempre passo por lá umas 2 vezes por semana, e encontrei um chef que trabalhava no restaurante de um amigo, um ex-izaka-ya que ficava na Vila Mariana. Cumprimentei-o e ele me disse que estava trabalhando no Momo Lamen, já estava sondando a casa faz alguns meses que estava sendo reformada lá na Rua dos Estudantes, 34, bem na região mais movimentada da Liberdade. Bom, enquanto falava com ele, ele disse que a casa estava inaugurando hoje às 11:00, fui dar uma volta e falei pra ele que às 11:00 estaria lá para provar o Lamen dele.

Cheguei exatamente 10:55 na frente da loja, fui o primeiro cliente a entrar na MOMO Lamen House, posso dizer que fui o primeiro cliente oficial da casa, pois a pré-inauguração não conta, não é mesmo?
A atendente abriu a porta e eu como de costume, sentei no balcão na frente do chef. Perguntei pra ele qual era o Lamen da casa, e ele me disse que era o Kara Missô, no cardápio você identifica como Aka Missô. Kara vem de Karai, ou seja, salgado ou ardido em japonês.

Antes de falar do Lamen vou falar do local. Pertíssimo da Itiriki Bakery, ou melhor ao lado dela e em frente a Pastelaria Yoka e da loja Korea Mart. São 3 andares de Lamen House, dá uma olhada na estrutura nas fotos abaixo:

Entrada:

momo-lamen-05

Balcão:

momo-lamen-02

2o Andar:

momo-lamen-06

Balcão de Lamen no segundo andar:

momo-lamen-07

Cardápio na Entrada:
momo-lamen-01 Para você ter uma ideia de preço, preços na média do mercado em São Paulo:

momo-lamen-03-cardapio momo-lamen-04-cardapio

E o mais importante: o LAMEN.

momo-lamen-08

O que achei do Lamen: simplesmente delicioso.

Gostei muito do sabor do caldo, nem muito salgado, nem pouco salgado, não muito ardido, eu prefiro mais ardido, mas é algo pessoal, o Tyashu (carne de porco fatiada) é muito saboroso e o mais importante, o Lamen numa textura al dente e muito fresco.

Falando com o Chef, ele disse que tudo é feito na casa, inclusive o macarrão, o Lamen é feito numa máquina importada do Japão, pois um fornecedor nacional talvez não desse conta da demanda.

Fora isso, para evitar que o Lamen esfrie enquanto ele é enviado para os andares de cima, eles resolveram montar novos balcões de Lamen para o prato chegar muito quente na sua mesa, achei isso realmente sensacional. Eles testaram a entrega do Lamen do térreo até o terceiro andar e não chegava tão quente. Achei que foi uma preocupação grande em te oferecer o melhor Lamen, ou seja, o mais quente possível.

Onde fica:

R. dos Estudantes, 34.
Liberdade, São Paulo – SP
Pertinho do Metrô Liberdade.