4 receitas de atum selado fáceis de fazer!

Olá a todos!

Hoje o Gourmet San trará diversas receitas de atum selado!

A primeira é de um medalhão de atum selado com legumes e limão sisciliano! A receita é do Chefe José Barattino, do badalado restaurante Emiliano aqui em São Paulo e foi postada no site Basilico – Gastronomia na Web, afiliado ao UOL. Para ver a receita na íntegra clique no nome do blog citado. O Gourmet San fez um resumo com alguns comentários e com foco no atum, pois os legumes e o restante não são todos que gostam, certo?

Vamos lá! (fazia tempo que eu não dizia isso!)

Ingredientes:

  • 400 g de atum
  • 80 ml de azeite extra virgem
  • sal e pimenta-do-reino
  • 12 ervilhas-tortas
  • 60 g de ervilhas frescas
  • 12 vagens
  • 1 cebola roxa (100 g) cortada em folhas largas
  • 280 ml de caldo de peixe (*)
  • raspas de limão-sisciliano
Aqui vai um pitaco do Gourmet San! Eu sempre acho um equívoco por parte das reportagens ignorarem a informação da procedência dos alimentos! Poxa, a pessoa leiga não sabe onde comprar um bom peixe, nem limões siscilianos! E também as postas de atum podem vir de diversos formatos diferentes, não é um peixe fácil de cortar corretamente!

Modo de preparo do atum:

1. Cortar o atum em 5 pedaços iguais. (ok…mas que tipo de pedaços reportagem?)
2. Temperar com sal e pimenta-do-reino.
3. Aquecer metade do azeite em uma frigideira antiaderente e selar os medalhões de atum até que estejam dourados – cerca de 30 segundos de cada lado.

Este passo 3 acho que merece mais atenção! Não acho que seja apenas isso que a pessoa precise se atentar na hora de selar o atum. Ele não pode ficar bem passado demais! E se você esquecer de deixar numa temperatura alta ou seu pedaço de atum for muito fino, invariavelmente a receita falhará!

Além desta receita acima, Gourmet San escolheu outras 3! Todas ele fez em casa e o resultado são esses das fotos! São todas bem simples e rápidas de se fazer e sem dúvida vão impressionar o pessoal que você vai servir!

1-Atum selado com crosta de canela!

É bem simples, pegue um filé de atum de comprido e despeje canela em pós por todas superfícies, menos nas pontas! Com a panela ou chapa já quente e com um pouco de óleo (bem pouco mesmo), coloque o filé de atum. Fique atento, você terá de virá-lo rapidamente, assim que a parte de baixo, em contato com a chapa for ficando clara, é hora de virar! Após selar os 4 lados, deixe descansar, depois corte em pedaços não muito finos! Sirva com molho tarê (veja a receita)!

2-Atum selado com gergelim!

Usando um filé de atum do mesmo tamanho da receita anterior, coloque-o de molho num recipiente com shoyú,  deixe por uns 15min! Após esse período, passe os 4 lados do filé de atum numa tijela com gergelim! Após isso o procedimento é o mesmo: filé na chapa quente ou panela com um pouco de óleo, vire rapidamente para selar os 4 lados, vire assim que o atum for ficando clarinho, dá para ver na foto!

3-Atum selado com com farinha de rosca!

Esta receita segue o mesmo princìpio da anterior. Banhe o filé de atum no azeite por alguns minutos, para o peixe absorver um pouco, depois polvilhe farinha de rosca por todos os lados do atum! O processo para selar é exatamente o mesmo das receitas anteriores! Assim que o atum for mudando de cor: vire!

Estas receitas são bem fáceis! Porém como eu disse acima, o atum é o próprio desafio! Compre uma bela peça no CEASA, veja dicas aqui. Também corte do jeito correto, Gourmet San também já fez um post sobre isso, leia aqui sem falta! Espero que com essas dicas você consiga fazer diversas receitas com atum selado! Vale muito a pena, fica uma delícia!

Abs

Gourmet San

Faça comida japonesa sem curso – como fazer hot roll

Olá a todos,

O Gourmet San quer ajudar vocês a fazer comida japonesa em casa sem a necessidade de fazer cursos! A tarefa não será fácil, porém é totalmente possível, não se desespere! Siga atento a sequência de posts e não desista após a primeira vez, você evoluirá muito com as seguintes tentativas! O próprio Gourmet San aprendeu a fazer sozinho e hoje de tempos em tempos faz com seus amigos e familiares, todos gostam muito!

Já existem alguns posts aqui dentro do blog do Gourmet San que complementarão cada passo, facilitando a leitura e aprendizado de vocês! Vamos montar uma refeição com guioza, harumaki (rolinho primavera), sushis, sashimis, uramakis, hossomakis, hot roll e pratos especiais!

O primeiro post da sequência de “como fazer comida japonesa em casa sem curso” foi sobre os utensílios básicos para se ter na cozinha, depois lançamos ainda como preparar o arroz para sushi corretamente, tudo sobre os sashimis,  as entradas guiozas e harumakis (rolinho primavera),  os clássicos nigiris, o últimos foi o mais famoso tipo de sushi aqui no Brasil, os enrolados hossomaki e uramakis. E hoje, talvez o favorito da maioria, o hot roll! Se você perdeu algum post, clique nos links e dê uma lida no material.

O hot roll é uma invenção das melhores vocês não concordam? Aquele hot roll bem quentinho, com a casquinha crocante e coberto pelo delicioso molho tarê (clique aqui para ver a receita). Há muitas variações deste prato, vocês mesmo já devem ter atestado isso visitando diferentes restaurantes japoneses por aí. Porém no post de hoje ensinaremos a fazer um hot roll clássico e que segue o mesmo modelo do melhor hot roll de São Paulo, o do restaurante Mussashino! Vamos lá!

Hot Roll Mussashino

Como fazer hot roll

Preparando os ingredientes:

Pegue metade de uma folha de nori  assim como na receita dos hossomakis e uramakis. Porém, atenção, você não colocará ela de comprido na sua frente, mas sim de pé. O recheio é de salmão (duas tiras), cream cheese (polenguinho é preferível) e meio kani!

Prepare também a massinha para empanar, pode ser como na receita de tempurá. Separe farinha de trigo normal e a farinha de trigo misturada com água em recipientes distintos.

Montando o hot roll:

Preencha com arroz a alga nori de baixo para cima e deixe 4 dedos sem arroz na parte superior. Essa alga sobressalente ajudará a enrolar o hot roll e dar firmeza ao rolinho na hora de empanar e fritar. Coloque primeiro o kani, de comprido no centro da área coberta por arroz, você vai ver que o comprimento dele é bem similar ao da alga. Depois coloque uma tira de salmão de cada lado do kani (as tiras de salmão devem ter o mesmo comprimento do kani e da alga). Depois coloque o polenguinho por cima, formando uma montanhinha. Seguindo a mesma técnica ensinada no post do enrolados, faça o rolo e reserve enquanto você faz os outros pois sem dúvida você fará muito mais que um!

Empanando e fritando:

Agora você seguirá praticamente a receita do tempurá. Passe o rolo na farinha de trigo e depois na massinha de farinha com água! Leve ao óleo quente, cuidado que espirra! Enquanto frita, fique atento, vá virando o hot roll para ele pegar cor em todos os lados. Quando ele pegar uma cor marronzinha, retire e deixe esfriar no papel toalha.

Servindo:

Fatie em 6 pedaços, sirva com o molho tarê. Se prepare para fazer esse prato por último pois é gostoso comer quentinho mesmo!

Bom gente!!! Se preparem!!! Esse prato é campeão nos jantares japoneses que o Gourmet San faz! Eles acabam muito rápido! Para vocês terem uma noção cheguei a fazer 6 rolos para 8 pessoas, ou seja, 36 sushis (depois de cortado), isso além de todos os outros pratos!

Não tem muito como errar e ele ficar ruim, afinal é fritura né?

Bom, existem outros tipos e receitas de hot roll! Vale a pena pesquisar e tentar também, dê uma olhada abaixo:

Hot Roll Meu Sushi
Hot Roll Sushi Guinza

 

 

 

 

 

 

 

Agora mãos a obra!

Abs

Gourmet San

Onde comprar ovas e quais são os diferentes tipos e preços!

Olá a todos!

Hoje um post com informações sobre um alimento bem controverso e que muitas pessoas são bem avessas: as ovas de peixes!

Uma coisa eu tenho certeza, você conhece muito mais pessoas que não gostam de ovas do que as que gostam, correto?

Pois bem, não tiro a razão das que não gostam, realmente é um tipo de comida exótico, porém pode ser delicioso se servido da maneira correta.

Existem diversas ovas, neste post farei um resumo das mais famosas! Assim vocês já terão um conhecimento básico quando encontrarem alguma por aí, ok?

O primeiro tipo é a ikura, as ovas de salmão. O preço dela no CEASA é de 30 reais um potinho! Sua principal característica é que ela explode na boca e libera o sabor do salmão! Gourmet San já a provou no restaurante Tanuki (clique no nome para ler a review), e ela geralmente é servida em sushis estilo gunkan.

 

 

 

 

 

 

O segundo tipo é a que você mais encontra por aí, chamada de tobiko, as ovas de peixe voador são servidas com diferentes cores! Isso se deve aos diferentes ingredientes que são misturados a elas. Misturadas com wasabi ficam verdes e picantes, com a fruta laranja adquirem a cor da mesma, e por final, ficam pretas se misturadas com tinta da lula! Sua cor natural é o vermelho. Gourmet San já comeu essas ovas em diversos lugares, como no Hideki, Kinoshita e Tori. Vende na feirinha de varejo do CEASA, custa uns 20 reais o potinho!

 

 

 

 

 

O terceiro tipo é a massago, que são as ovas de capelim. São muito parecidas com a tobiko, porém menores e mais crocantes. Da mesma maneira que a anterior, também tem sua cor mudada pela adição dos mesmos ingredientes!

 

O quarto tipo é polêmico! Conhecida por uni, as ovas de ouriço tem uma consistência diferente de todas as outras. Possui uma textura mais molenga e um gosto bem refrescante! Um baixo número de pessoas tem coragem de experimentá-la e poucos gostam, porém quem gosta adora. Gourmet San adora e já comeu muito no Hideki! Nunca encontrei para vender! =(

   

O quinto tipo é a karasumi, as ovas de tainha, e recebe o nome italiano de botarga! Gourmet San comeu recentemente, pela primeira vez, esse tipo de ovas que possui um formato e jeito de preparo diferente das outras. Comprida, ela passa por processos de desidratação entre outros mais, depois é fatiada e servida! O restaurante que serviu esse prato foi o Tori! Você encontra para vender no CEASA como as demais.

 

Bom, depois dessas informações passadas pelo Gourmet San será que vocês topam experimentar caso apareça na frente de vocês? E você que já gostava, sentiu falta de alguma?

Curtiu? Compartilhe com seus amigos!

Abs

Gourmet San

 

Receita de tempurá de legumes e de camarão

Olá a todos!

Hoje talvez a receita mais polêmica da culinária japonesa. O tempurá!

Sabem por que é polêmica? Pois todas as receitas que o Gourmet San já seguiu e diversa resenhas de pessoas que já fizeram tempurá em casa, geralmente no final o comentário é o seguinte: “Poxa, ficou bom, mas não ficou igual, né?”

Após ver diversos vídeos de como fazer tempurá e provas diversos, eu desconfio do seguinte, quem realmente o faz bem, possui pequenos truques que, ou eles não contam a ninguém propositalmente, ou para eles é tão óbvio que passa despercebido!

Vamos lá para a receita básica e suas variações e no final a ultimate receita (meio que a prova de erros)!

Receita para Tempurá

De legumes: você pode deixar os legumes em pedaços grandes e empaná-los individualmente ou, como o Gourmet San prefere, rale todos em pequenos fios e faça uma mistura empanando todos juntos em pequenos bolinhos ou tramas.
De camarão: limpe bem os camarões, tire a casca, a cabeça e as patas. Não se esqueça de limpar dentro dele, através da barriga e costas, seja cuidadoso para não destruir o camarão.

A massinha para o tempurá: esse é o grande segredo do tempurá e já vi muitas forma diferentes, vamos discorrer sobre quatro.

  • Primeira: passe os legumes/camarões na farinha de trigo seca e depois na massinha de farinha de trigo misturada com água. A farinha de trigo misturada com água deve ser preparada da seguinte maneira, coloque farinha num recipiente e vá adicionando água e mexendo até ela ficar pastosa, o suficiente para você mergulhar algo e ela envolver firmemente, escorrendo pouco do que foi mergulhado.
  • Segunda: o procedimento é o mesmo da maneira citada acima, porém adicione  1 gema de ovo a mistura de farinha e água, misture bem também.
  • Terceira: faça qualquer um desses procedimentos acima, o 1 ou o 2 (com gema) porém reserve a massinha na geladeira, para ela ficar bem gelada antes de ser utilizada
  • Quarta: use a farinha japonesa Panko para tempurá e siga as intruções do pacote.

Bom, de todas as 4 receitas que passei acima, a única que não tentei ainda foi a última, utilizando a farinha especial Panko, eu atesto que talvez o melhor resultado seja realmente com essa farinha japonesa, pois até num blog escrito por japonesas que conhecem muito da culinária japonesa, a conclusão foi igual, leia você mesmo, é curto: receita de tempurá do blog Chá Com Arroz.

Ok, você deve ter pensado, mas Gourmet San, onde encontrarei a farinha especial Panko??? Eu te respondo, na maioria dos supermercados bons como no Pão de Açúcar ou nessas mercearias e mini mercados que vendem bastante coisa japonesa! Não é cara, no máximo 20 reais, claro, é muito mais caro do que misturar água com farinha de trigo, mas o resultado provavelmente será melhor!

Mas atenção! Não se prive de fazer um tempurá caso não ache essa farinha especial, as 3 primeiras receitas funcionam também! Porém não se assuste se nunca chegar ao nível do tempurá dos restaurantes tops, eu acredito que eles possuem truques que vão muito além de por ovo ou não ou de usar a farinha panko ou não.

Os melhores tempurás que o Gourmet San já comeu são, nessa ordem, do Kinoshita, do Aizomê e do Hideki! Clique nos nomes para ler as reviews com fotos dos tempurás.

E…a cidade de São Paulo possui…possui…o que? Um restaurante com um menu degustação apenas de tempurá! Sim o restaurante é o Tempura Ten, Av. Brigadeiro Luís Antônio, 2.050, loja 23, (11) 9622-3582. “São servidos tempurá de camarão, aspargo chileno, lula, peixe branco enrolado no shiso, shimeji, palmito, entre outras deliciosas variedades, tudo sequinho e crocante. Mas para provar essas iguarias especiais do restaurante é obrigatório fazer reserva, pois o local possui apenas 18 lugares, sendo somente um balcão e três mesas.”

(retirado de http://www.restaurantesjaponeses.com.br/tempura-ten)

Bom gente, após esse texto, fora daqui e direto planejar quando você testará as diferentes receitas de tempurá!

Espero que o Gourmet San possa ter ajudado!

Curtiu? Compartilhe! Comente!

Abs

Gourmet San

Receita de salmão grelhado com Gordon Ramsay

Bom dia gourmets de todo Brasil!

Hoje o Gourmet San traz a vocês uma receita de salmão grelhado!

Já busquei modos diferentes de fazer esse delicioso prato, alguns com temperos e técnicas complicadas, não me agradaram nem um pouco! Não queremos isso, correto? Queremos simplicidade, praticidade!

Pois bem, achei um vídeo do super badalado Gordon Ramsay! Onde ele ensina a fazer um salmão com pele crocantíssima e uma salada de batatas para acompanhar!

Mas antes de ver o vídeo, as dicas principais:

-faça pequenos cortes paralelos nas costas do salmão, assim a pele fica crocante e não encolhe na frigideira.

-se você manja de temperos, use-os, se não, vá com fé no sal e azeite de oliva que não terá erro!

-comece sempre com a pele para baixo, acompanhe na lateral do peixe a mudança na cor, vire de lado apenas no final!

Veja o vídeo de Gordon e fique atento nos detalhes para seu prato ficar melhor ainda!

 

Abs

Gourmet San

Sushi de ovo – Tamago sushi!

Olá a todos amantes do sushi!

Hoje o Gourmet San traz um post sobre um tipo de sushi que garanto que a maioria de vocês nunca ouviu falar, poucos viram e menos ainda tiveram a oportunidade de comer! Falaremos do desconhecido tamago sushi, que é o nigiri-sushi de ovo, na verdade de omelete!

Tamago, traduzido literalmente, significa ovo grelhado, mas ele é preparado em um tipo de frigideira teflon quadrada, onde diversas camadas de ovo são feitas e enroladas! Eu sei…eu sei… é difícil de imaginar, por isso separei um videozinho para vocês entenderem do que estou falando! Ele é curto, vale o clique!

O tradicional sushi de ovo, o tamago sushi, é este no título do post! Mas existem outros pratos japoneses ou sushis que utilizam o mesmo ingrediente mas de maneira diferente:

sushi de ovo de codorna com ikura (ovas de salmão)
foto: sushi-tarako de fenandadona.wordpress
foto: sushi de Peixe Mantega com ovo de codorna e azeite trufado de lamiadolcevita.com.br

Pois é gente, se vocês visitarem restaurantes tradicionais de sushi, devem encontrar um sushiman capaz de oferecer este tipo de sushi . Aqui em São Paulo, algumas casas que o oferecem são o Hamatyo, em Pinheiros e o Tanuki, na Vila Madalena!

Para finalizar o post, deixo com vocês a obra de arte em termos de tamago sushi, o do Jiro Ono, do filme Jiro Dreams of Sushi. Mestre de sushi de 85 anos que trabalha num sushi ya dentro de uma galeria de metrô no Japão!

tamago nigiri sushi do Jiro Ono do filme Jiro Dreams of Sushi

Espero que tenham gostado!

Abs!

Gourmet San

Receita do molho tarê…ahhh o famoso tarê!

Olá a todos,

Ok, não precisam ficar babando sobre o teclado só de lembrar desse molho que dá sempre aquele up na maioria dos pratos onde ele é adicionado!

A receita que o Gourmet San traz hoje é a do molho tarê, é extremamento fácil e você ainda pode guardar para outras ocasiões!

Vamos lá!

Ingredientes: shoyo, acúcar e sakê (não aqueles sakes chiques, o mirin mesmo)

É muito fácil: misture quantidades iguais dos 3 e coloque numa panela com fogo médio. O Gourmet San pessoalmente prefere usar leiteiras pois são menores e fica mais fácil de mexer.

Agora entra um lance importante, se você for apressado e fizer no fogo alto, não ficará perfeito, corre o risco de ficar muito duro e de queimar, porém…dá pra fazer também…

Mas é recomendável fazer em fogo médio, sempre mexa com uma colher preferencialmente de madeira. Continue mexendo até o caldo engrossar e ficar naquela consistência famosa que todos conhecem.

Tenha preparado algum outro recipiente, o ideal são aqueles de plástico de catchup, mostarda ou até de coberturas de sorvete, deixe bem lavadinho!

Depois leve a geladeira até a hora de usar! E pode guardar pra eternidade que dificilmente estraga!

Buttah Jow do Mori Sushi com molho tarê !

Abraços

Gourmet San

 

 

Masaharu Morimoto ensina como fazer sushi!

Hoje o Gourmet San traz a vocês 2 vídeos muito legais sobre a participação do famosíssimo Iron Chef, Masaharu Morimoto, no programa Hell’s Kitchen do também famoso Gordon Ramsay.

O programa Hell’s Kitchen trata-se de um reality show onde cozinheiros e chefs com experiências muitos diferentes, entram em competição para a disputa de uma posição de respeito em algum novo super restaurante do chefe Gordon Ramsay. Este programa é famosíssimo e já possui 9 temporadas!

Em um episódio da 8ª temporada, o chefe Morimoto tem uma aparição muito legal, ele ensina os participantes a como fazer o nigiri sushi de atum, e um uramaki de salmão, pepino e abacate!

Prestem atenção em algumas coisas…primeiro de tudo, no prato que o chefe Morimoto trás consigo em sua apresentação! É lindo demais, imagina o sabor de cada peça! Além disso, vale a pena ver ele em ação montando cada elemento, tanto os nigiris de atum como os uramakis.

Hahaha e para descontrair, não percam as tentativas dos pobres participantes, tentando recriar os pratos e o chefe Gordon reclamando e criticando cada um deles!

No primeiro vídeo, se não quiser perder tempo, coloque logo nos 3:20!

 

E ae gostou? curtiu? Então compartilhe com seus amigos!

Descontos válidos de sushi com Compra Coletiva!

Olá a todos e feliz ano novo!

Gourmet San deseja a vocês um ótimo ano de 2012 com muito, sushi, sashimi e tudo que a culinária japonesa pode proporcionar de bom!

Hoje está sendo inaugurado um novo serviço que o Gourmet San tentará fornecer a vocês diariamente: a junção de todas promoções válidas de compra coletiva relacionadas a comida japonesa!!! São muitas promoções, por isso não garantimos que sempre atualizaremos, porém é a meta, que vocês sempre tenham uma lista das promoções assim que possível.

Vale lembrar que o Gourmet San não visitou todos restaurantes japoneses, por isso não posso dizer se realmente vale a pena. Aliás o seu feedback será muito importante! Também vale lembrar que o Gourmet San não possui qualquer relação comercial com nenhum site de compra coletiva ou restaurante de comida japonesa, as informações são passadas apenas para que o amante do sushi possa checar num lugar só a lista de ofertas! Não nos responsabilizamos por qualquer problema que possa ocorrer, mas se ocorrer, nos conte, assim damos espaço para você, amante do sushi, reclamar!

Segue abaixo a lista de descontos válidos neste momento:

Know How Sushi

Endereço: Rua Emílio Mallet, 112 – Tatuapé

Telefone: (11) 2092-9224

www.knowhowsushi.com.br

Desconto 1: 55%OFF em Combinado japonês com 20 unidades(8 peças de Sashimi, 4 de Sushi, 4 de Hossomaki e 4 de Uramaki)de R$40,00 por R$17,90

Desconto 2: TEMAKI de R$ 14,00 por R$ 1,99 – 86%OFF

Kyandi Sushi

Av. Sabiá, 189 – Moema – São Paulo

(11) 5052-7162

http://www.kyandisushi.com.br

rodízio de comida japonesa em Moema de R$ 39,90 por R$ 19,90 com 50% em qualquer sobremesa do cardápio

Daisho Sushi Bar

Rua Joaquim Távora, 1235

Vila Mariana – São Paulo

(11) 5574-7195

http://daishosushi.com.br/

Desconto de R$25,00 para Combinado 02 (38 unidades) = R$83,00 Desconto Originalia = R$25,00 Total a ser pago no estabelecimento = R$58,00

 

Temaki House

Unidade I

Rua Guaimbé, 173 – Mooca

São Paulo/SP

Tel.: (11) 2076-3767

www.temakihouse.com.br

 TEMAKI! 4 sabores à sua escolha para você aproveitar com os amigos e a família: SALMÃO, SKIN, CALIFORNIA E KANI. DE R$11,90 POR APENAS R$ 2,99 CADA TEMAKI. OFERTA COM 75% OFF

Wakai Sushi

Rua Fernando de Albuquerque, 166

Consolação – São Paulo

(11) 3237-0563

http://www.wakaisushi.com.br/

desconto de R$25,00 por R$1,99 Combinado Super para 2 pessoas: R$58,00 Desconto Originalia: R$25,00 Total a ser pago no estabelecimento: R$33,00

Tomakeria

Rua Vieira de Morais, 2163. Campo Belo

(11)2359-6361

http://www.tomakeria.com.br/

Rodízio Completo para 02 Pessoas no Campo Belo. De R$98,00 POR R$49,00.

Mirante Mooca

Avenida Paes de Barros 519
03115-020 São Paulo

http://www.mirantemooca.com.br/

Festival japonês: 14 tipos de sushi e sashimi + yakisoba + salada de frutas, de R$ 60,00 por R$ 19,90

Tiger Restaurante

Rua Jacques Felix, 694 – Vila Nova Conceição
São Paulo, SP 04509000
11 3045-2200

http://www.tigerrestaurante.com.br/

Combinado Japonês com 34 Peças + 2 Temakis no Tiger Restaurante com 61% OFF (de até R$125 por R$49)

 

Receita de carpaccio de salmão no molho ponzu

Olá a todos,

Hoje o Gourmet San traz mais uma receita a vocês, é a do salmão no molho ponzu!

Ok, vocês devem estar se pergutando, “mas que diabo de molho é esse?”. Calma, eu explico.

Eles está presente em muitos restaurantes japoneses por aí. Eles faz parte do prato clássico dos rodízios, o sashimi, ou carpaccio de salmão no molho ponzu. Aqui no próprio Gourmet San, ele já foi postado e comentado diversas vezes!

Alguns exemplos para você ver a diversificação:

Domo Sushi Bar

Um salmão no molho ponzu ok, não deve nada a ninguém, mas também não impressiona!

 

 

 

 

 

 

 

Koban

Um salmão no molho ponzu delicioso, talvez a melhor receita, onde a acidez do molho melhor combina com o salmão!

 

 

 

 

 

 

 

 

Zeni

De longe o prato mais feio, mais desleixado e piorzinho, o único fator a se comentar é que as fatias de salmão eram bem generosas

 

 

 

 

 

 

 

 

Mori

O prato salmão com molho ponzu mais sofisticado de todos, chamado de usuzukuri no restaurante. Eles colocam ovas para acompanhar. Uma delícia.

 

 

 

 

 

 

 

 

Gourmet San irá parar de enrolar vocês e trará logo a receita do molho ponzu para você acompanhar seu carpaccio ou sashimi de salmão!

Molho Ponzu:

2 colheres de sopa (30ml) de shoyo light

1 ¹/2 colher (22ml) de suco de limão

1 ¹/2 colher (22ml) de mirin (sake barato e espacial para preparo de pratos)

Para preparar o molho não há segredo, misture todos ingredientes e sirva sobre o salmão!

Agora só te resta apreciar o prato e impressionar seus amigos! =)

Curtiu? Compartilhe!

Abs!

Gourmet San