Temaki Monstro e Sushi Executivo no Almoço da Temakeria e Cia

Eae gente, tudo bom?

Vocês já devem ter reparado na quantidade de posts do Gourmet San sobre a  Temakeria e Cia, certo? Isso deixa uma coisa bem clara, ela é sem dúvida a melhor temakeria da cidade de São Paulo. Porém todas visitas do Gourmet San até hoje tinham sido no horário nobre, ou seja, a noite. Porém não desta vez!

Gourmet San visitou, durante o almoço, a Temakeria e Cia da Rua Henrique Monteiro Nº 70 – Pinheiros (11) 3034 4982, o ambiente, diferente do jantar, é muito mais movimentada, inclusive com fila de espera para alguns grupos maiores que desejam sentar juntos! Isso já era de se esperar, afinal essa unidade da Temakeria e Cia fica numa área bem comercial da cidade, próximo a Av. Faria Lima com a Av. Rebouças!

Mas eu não tive problema algum em sentar, estava sozinho e para alegria da hostess, fui direto ao balcão! Sentei e logo pedi o meu temaki favorito de lá: salmão simples em cubos! Enquanto esperava perguntei ao garçom se eles possuíam opções promocionais de almoço! Ele disse que não. Neste momento fiquei surpreso, seria um dos primeiros restaurantes japoneses que eu conheço que não possuíam opções “executivas” para os trabalhadores comerem em seu horário de almoço!

Pois bem, meu temaki chegou! Sem brincadeira, acho que foi o maior temaki que a Temakeria e Cia já fez para mim! Meu Deus, olha que monstro!

Vocês estão vendo? É por isso que gosto da Temakeria e Cia, um belo temaki por R$ 12,30!!! Eu sempre peço o meu temaki de salmão em cubos para poder comer esses pedaços de cima como sashimi, é uma boa entrada antes de partir para a parte com arroz e alga!

Se tem uma coisa que eu gosto na Temakeria e Cia é do arroz e da alga deles, combinam perfeitamente, eles seguem uma boa receita, não a melhor, mas cai bem! Vejam mais algumas outras fotos deste belo temaki!

Quando estava chegando perto de terminar meu temaki vi a hostess empilhando cardápios no canto do balcão. Uma coisa me chamou a atenção: um cardápio menor! Estiquei meu braço e o apanhei para ver sobre o que se tratava! Não acreditei quando vi que era um cardápio promocional de almoço!! Sim o garçom, totalmente destreinado, ou sem vontade, não tinha me oferecido tal cardápio mesmo quando eu pedi pratos promocionais!

Esse cardápio “executivo” da hora do almoço tem uns 8 ítens, o que mais chamou minha atenção foi o “sushi executivo” por 23,90 que continha nigiris, uramakis e hossomakis! Chamei um garçom, certifiquei-me de que não viria nada de pepino ou kani e fiz o pedido!

Não demorou muito e me serviram o “sushi executivo”:

A priori parece pouco certo? E é, hahaha, mas creio que está no limite de valer a pena, se viesse um pouco menos, se fossem outros sushis ou se fosse um pouco mais caro não valeria a pena!

Os nigiris estavam muito bons e os peixes muito frescos, mas aqui vai uma crítica que eu acho que nunca faria a um nigiri: faltou arroz! Pois é, geralmente a maioria dos lugares peca pelo excesso de arroz, porém eu acho que os nigiris foram muito minis, mesmo super gostosos e bem montados!

Agora deem uma olhada nos 2 uramakis de salmão a esquerda! Gosto muito de enrolados assim, com um bom recheio! Realmente a Temakeria e Cia não economiza em salmão!

Resumindo, o “sushi executivo” da Temakeria e Cia, por R$ 23,90 vale a pena, mas só se você estiver disposto a pedir algo mais, como um temaki!

Retornarei lá para testar os outros pratos executivos do cardápio especial de almoço esquecido pelo garçom!

Abs

Gourmet San

 

Restaurante Tori – rodízio japonês com preço justo, ambiente amigável e ótima comida!

Olá a todos,

Hoje mais um review de um ótimo restaurante japonês do bairro de Pinheiros, é o Tori (http://www.sushitori.com.br/home/), localizado na Av. Pedroso de Moraes, 1051, tel 3813-5174. Gourmet San já fez uma review deste restaurante anteriormente, clique aqui para dar uma espiada.

Logo de cara já digo algo incrível: o preço continua o mesmo! Sim, o rodízio de sushi a noite sai por 37,90! Ou seja, com esse preço vocês devem ficar em dúvida…se ele vale realmente o preço né? Afinal abaixo de R$ 40,00, qualquer santo desconfia. Porém, após a boa surpresa com o Midori, que está em promoção servindo abaixo dos 40, voltei com fé ao Tori, esperando mais uma boa experiência! Não me decepcionei e ainda tive a oportunidade de conhecer o simpático sushiman Cláudio que passou em nossa mesa um tanto falante, para conversar!

Chegamos, estávamos em 6, e começou a comilança!

A entrada clássica do Tori é o carpaccio de salmão com azeite e mais alguns temperinhos que dão muito frescor ao prato! Por sorte e pela atraso de um casal de amigos, recebemos essa entrada duas vezes! =) Mas claro, você pode pedir quanto quiser, afinal é rodízio!

Logo depois nos serviram o shimeji! Incrível como este prato varia tanto de restaurante para restaurante…Nuns lugares ele é seco, em outros sem cor, em alguns vem muito, em outros pouco. Bom, no caso do Tori, nota 10! O shimeji estava delicioso, com muito sabor e ele veio acompanhado de um molho muito mais espesso que nos outros lugares, ou seja, o sabor se torna muito mais pronunciado. A porção foi correta para o número de pessoas. Infelizmente a foto se perdeu!

Assim como no Midori, nos perguntaram se queríamos o guioza frito ou cozido no vapor! Obviamente escolhemos a opção do vapor, além de mais saudável, é mais saborosa e incorpora o tradicionalismo do prato! O ponto negativo é o harumaki servido apenas com a opção de queijo, o harumaki (rolinho primavera) de legumes é bem melhor!

Agora, logo nas entradas algo que eu jamais esperaria, karasumi, que se trata de uma forma especial de se preparar as ovas de tainha! Ela não tem o formato das ovas normais, ou seja, bolinhas, ela é comprida, também não é servida crua, envolve uma preparação maior! O sabor é muito peculiar e bem forte, lembra um pouco embutidos como o salame. Foi a primeira vez que provei, fiquei extremamente feliz com a oportunidade!

Após as entradas, passamos para este grande combinado de sushi, com sashimis, nigiris e enrolados!

Serviram 4 tipos de sashimis! Salmão, um atum lindo (olha só a cor!) e 2 tipos de peixe branco, o prego, mais branco e com fatias de limão e o outro, mais avermelhado, que não me recordo agora, mas era robalo ou tainha. Os nigiris também foram super variados, fiquei espantado, dêem uma olhada, nigiris de salmão, atum, peixe branco, polvo, camarão, salmão skin e até de peixe serra, esse logo abaixo do polvo! Os uramakis estavam bons, a grande diferença nos enrolados e nos nigiris é a qualidade do arroz, é óbvio, e estava tudo gostoso.

Os enrolados mais exóticos foram esses 2 na parte de baixo da bandeja, envoltos em pepino, com salmão, kani e cream cheese e os enrolados ao lado dos nigiris de salmão skin.

Nos serviram também essa porção de hot rolls beeeem generosa! O Gourmet San quando faz comida japonesa em casa segue esta receita, eles ficam iguais!

Agora o bixo pega! Um dos motivos que fez o Gourmet San retornar ao Tori foi a informação de que eles tinham recebido uma encomenda um tanto especial, diversas iguarias, ou seja comida japonesa exótica, que você não encontra em qualquer lugar, muito menos em restaurantes japoneses com rodízios a preços moderados. Assim, o Tori mostra um belo diferencial, a real preocupação em buscar o melhor para os seus clientes.

Nós pedimos e nos serviram o prato abaixo:

Eae, conseguem identificar alguma coisa? Já experimentaram um desses sushis?

Bom, antes de mais nada, o nome desses sushi com arroz envolto com alga dessa maneira são os gunkan, vocês podem ver muitos deles na review do Hideki! Neste caso, o restaurante Tori nos ofereceu 4 tipos de sushis exóticos, Gourmet San irá explicá-los um a um.

Os 2 primeiros são esses na foto abaixo. O vermelho é o gunkan de água viva. A sua textura é mais firme e o sabor é bem doce! O de baixo, são filhotes de enguia, são mais crocantes e sabor mais suave!

Agora os outros 2 sushis de iguaria. O primeiro é o polvo cru com wasabi, extremamente refrescante, lembra um pouco as ovas de ouriço (uni), não em gosto, mas em frescor mesmo. E agora, o mais saboroso de todos, o mini polvo, não em formato de gunkan mas sim de nigiri, são filhotes de polvo, pequeninos como vocês podem ver! Comeria muitos desses! Tem um sabor do sashimi de polvo, mas com outra consistência, quem gosta de polvo já vai gostar muito!

Essas iguarias são difíceis de achar, são poucos restaurantes que servem. Elas geralmente são todas importadas, vem em conserva, assim a qualidade sem mantém, os restaurantes podem servir sem preocupações e nós comermos tranquilos! Quem me passou essas informações foi o sushiman Cláudio, que possui experiência inclusive no Japão!

Para encerrar o jantar, pedimos enrolados com a famosa e deliciosa couve frita por cima!

O primeiro veio com hot rolls.

O segundo com uramakis.

Esse foi o jantar no Tori, uma ótima sequência de pratos japoneses entre clássicos e iguarias, todos bem feitos. Presença de amigos e uma equipe preocupada em fazer um bom serviço!

Espero que tenham gostado. O Tori, com esse preço, se torna escolha fácil na Zona Oeste da cidade de São Paulo! Não tem nem concorrência! Se vocês derem sorte podem, até pegar umas das duas vagas para carro disponíveis na frente do restaurante!

Abraços

Gourmet San

Restaurante Hideki Pinheiros: rodízio com ovas, peixes frescos e mal humor

Olá a todos!

Este provavelmente é o último post do Gourmet San no ano de 2011! Aproveito para agradecer a todos que acompanham o site com as informações da gastronomia japonesa e as reviews dos diversos restaurantes, em 2012 teremos muito mais e com novidades!

O restaurante japonês visitado desta fez é um velho conhecido aqui no Gourmet San, é o Hideki, Rua dos Pinheiros, 70
Tel: 011 3086-0685  (www.hidekisushi.com.br). As primeiras 3 reviews feitas deste restaurante japonês tão famoso foram feitas na unidade da Bela Vista, agora, pela primeira vez, a unidade do bairro de Pinheiros foi a escolhida. Se você ainda não leu as 3 primeira reviews do restaurante Hideki pelo Gourmet San, veja: review 1, review 2 e review 3.

Nesta oportunidade, o Gourmet San teve coragem e encarou o famoso e caro rodízio do Hideki de 85 reais! Sim bem caro não é mesmo? Mas vamos ver a seguir se ele vale a pena afinal das contas, é um rodízio que oferece ovas!

Cheguei cedo, umas 19h e pouco e não sabia o que esperar, afinal tenho aguardado ir neste rodízio faz um bom tempo, estava ansioso! O ambiente é bem diferente da maioria, cheio de detalhes orientais bem variados, mesas a direita, a esquerda um balcão até que grande, estava vazio! Eu, como sempre, ia sentar no balcão, mas como ele estava meio escuro, iria ficar ruim para as fotos, sentei na mesa. Porém havia uma plaquinha na mesa, que eu não tinha visto, e o garçom bem mal humorado me disse que tava reservada, ok, levantei e fui para o balcão mesmo.

Como a maioria dos restaurantes japoneses, achei que algum próprio sushiman iria me atender no balcão, afinal eles estavam em muitos ali, uns 5. Mas não, esperei…esperei…até que tive meio que chamar algum, que me informou que eu deveria pedir ao garçom antes mesmo. Consegui chamar a atenção de um garçom um pouco mais de idade e com muita cara de mal humor. Ele me deu o cardápio para escolher.

Enquanto escolhia, ele me serviu uma entradinha bem peculiar, vejam abaixo:

Ela estava gostosa! Me surpreendeu a sofisticação e mistura dos ingredientes!

Bom, eu fui logo a o que interessa, meu primeiro pedido foi: “um nigiri sushi de cada peixe, um sushi de cada ovas e duas fatias de sashimi de cada peixe menos o peixe prego.”

E aí, de forma ridícula, o garçom arranca o papelzinho de anotações e entrega ao sushiman que estava na minha frente. Algo interessante a se notar é que parte do balcão é responsável pelos sashimis e a outra parte pelos sushis.

Não demoraram muito e me serviram primeiro os sushis:

Todos absolutamente maravilhosos, não há o que dizer…Não mesmo, o arroz, o peixe, as ovas, o polvo, o jow, o camarão, tudo uma delícia e o que eu gostei foi que apresentaram nesse “prato” de madeira, bem tradicionalmente japonês!

Logo após me serviram o sashimis:

Também estavam perfeitos, imagino que os peixes que forneceram essas carnes eram enormes pois a maciez de cada pedaço é fenomenal. Outra fato a se comentar, sem dúvida, é como eles servem os sashimis, numa cumbuca com gelo embaixo, mantendo uma temperatura muito mais agradável! É algo que tentarei levar para meu sushi feito em casa!

Após essa primeira degustação dos clássicos de um restaurante japonês, fui para os extras:

O mesmo garçom, se mostrando prestativo apesar de mal humorado, me ofereceu ostras, pedi 3. Diferente das ostras do buffet do Hideki, estas vieram muito mais preparadas e mais apimentadas, até demais para o meu gosto, acho que exageraram no condimento! Mas estavam boas mesmo assim, serviram em cima do gelo também!

Tempurá de legumes e de camarão. Estavam ambos super sequinhos, uma delícia, apenas achei o tempurá de brócolis muito grande, mas o resto estava fenomenal.

Neste momento, após ter tido um contato maior com os sushimans, não de conversa é claro, mas apenas por terem me entregado os pratos de sushi e sashimi, resolvi pedir mais alguns sushis de ovas. Pedi primeiro o sushi de uni, para quem não sabe, uni são as ovas do ouriço. Pedi para quem me pareceu mais receptivo, porém ledo engano, ele era apenas o aprendiz ali, e foi falar com o sushiman responsável que fez muita cara feia e foi verificar, aparentemente, se uni realmente estava no cardápio do rodízio (mas estava!), após conferir com o garçom, me serviram o sushi abaixo:

Ok…sei que a aparência não ajuda, mas é uma delícia! A consistência é meio molenga mesmo, mas o sabor é de muito frescor! Vale muito, sobretudo num rodízio onde você pode pedir sem dor na consciência de afundar seu bolso!

Bom, entrei no ritmo das ovas e pedi novamente mais. Agora um sushi de cada tipo de ovas que eles tinham:

Me serviram 3 como visto acima, todas muito boas novamente, porém eu pedi 1 de cada!! No meu primeiro combinado me serviram uma laranja, poxa, cadê? Será que não entendem o recado? Fiquei meio decepcionado!

Para finalizar, resolvi pedir uns enrolados de ebi (camarão)…

E também mais uns sashimis de atum…

Como vocês podem ver, esse sashimi de atum não é o mais bonito de todos, (o verde em cima é wassabi que eu já havia colocado). Esses sashimis estavam, inclusive, piorzinhos que o que me serviram no começo! O que aconteceu é que eu estava sentado bem próximo aos filés de atum que são destinados para o sashimi. Eles colocam em uma ordem de qualidade, dos atuns mais magros até os mais gordos. Os gordos estavam lindos, sendo possível ver bem o degradê do claro pro escuro entre as fibras, mas os menos gordos, e provalvemente oriundos das costas do atum (akami), não estavam feios não. Porém levei uma negativa com cara bem fechada do sushiman, por pedir os sashimis mais gordos: “eles não fazem parte do rodízio” e me serviu estes…

A minha experiência gastronômica no rodízio do Hideki foi essa, a comida é sensacional, top mesmo! Eu recomendo, porém houve alguns pontos quanto ao serviço muito desagradáveis. Vou focar um pouco mais nisso agora.

Logo de início a falta de sincronia entre o garçom mal humorado, eu e o sushiman. Depois o sushiman não podia pegar pedidos diretos meus, mesmo eu estando no balcão e eles estando em 5, alguns deles nem uniformizados estavam. Depois, a falta de conhecimento dos próprios sushimans quanto a quais ovas estavam no rodízio e se estavam mesmo…No final o sushiman ranzinza que me negou o atum gordo (até aí tudo bem) e me deu o que parece ser as costas das costas do atum, ou o rabo. E no final, quando fui pagar, até a japonesa do caixa tinha cara de mal humorada, eu ali, pagando quase 100 reais num jantar e ela nem olhando na cara ou agradecendo a visita.

Além disso, no final da minha experiência chegaram outros clientes no sushibar, um deles obviamente é cliente de longa data e nesse momento um dos sushimans foi correndo limpar o balcão deles e servir de maneira pessoal e personalizada! Incrível! Claro que não espero o mesmo tratamento pessoal de quem vai lá sempre, mas no mínimo o mesmo serviço de balcão!

Muito estranho essa disparidade entre o Hideki Bela Vista e o Pinheiros, lá no Bela Vista ganhei até 1 nigiri extra! Ou talvez o forte do Hideki seja o buffet mesmo e não o serviço no balcão, o que é clássico no Japão.

O resultado é, o rodízio é incrível, porém eles são muito mal humorados lá dentro. Só voltarei se as pessoas que estiverem comigo quiserem ir ou eu tenha dinheiro disponível para arriscar um repeteco!

Abraços e bom ano novo!

Gourmet San

Yokozuna – o melhor rodízio de sushi de São Paulo de 2008!

Olá a todos,

Gourmet San visitou o restaurante japonês Yokozuna, localizado na Rua Simão Alvares, 445, em Pinheiros, na Zona Oeste de São Paulo (http://www.yokozuna.com.br/)

Um fato importante a saber sobre o Yokozuna é que ele foi escolhido o melhor rodízio de sushi da cidade de São Paulo de 2008 pela Revista Época. Ok, então o que esperar desse restaurante em pleno ano de 2011? O Gourmet San está aqui justamente para isso!

O ambiente é bem tradicional: portinha com cortinas japonesas, local estreito, sushibar a direita, mesas a esquerda e mais um andar acima com mais algumas mesas (capacidade máxima de 40 pessoas. Nas paredes, quadros com desenhos japoneses, em sua maioria de yokozunas, que para quem não sabe, são os campeões de sumô, endeusados no Japão!

Em dias de semana a noite o rodízio de sushi sai por 45,00! Já vou adiantando que o custo benefício é bom! Você paga pelo o que lhe é servido!

Logo de cara já trouxeram a mesa as toalhinhas quentes enroladas para a higienização e perguntaram se íamos querer o rodízio de sushi mesmo. Nos serviram de entrada tofu ao invés da já batida saladinha de pepino e porções individuais de shimeji, o que eu acho muito positivo, ninguém mais serve tofu e quanto ao shimeji, é muito chato quando fica aquela disputa pelo no centro da mesa, mas por outro lado o desperdício pode ser maior!

Vejam o tofu, o famoso queijo de soja japonês:

Mas falando do shimeji, ele estava OK apenas, quentinho, bem temperado, mas longe de ser um ótimo shimeji, parece que foi feito as pressas, sem um preparo mais elaborado. Como o próprio irmão do Gourmet San disse: o shimeji poderia estar um pouco mais escurinho.

Após o shimeji, vieram os temakis que já havíamos pedido. Aliás…o Gourmet San sabia dos temakis do Yokozuna pois na sua primeira visita ao lugar ele havia ficado espantado com a qualidade. Sim, peçam temakis no rodízio de sushi do Yokozuna, eles são bem melhores de que todos outros rodízios, em especial o de salmão skin. A explicação é simples: arroz bom, bem temperado, recheio farto e alga crocante (não a mais crocante de todas). O Yokozuna possui a melhor receita de salmão skin, sem dúvida nenhuma! Vejam o temaki de salmão simples abaixo:

A única ressalva que faço sobre os temakis é: não peçam mais de um logo de cara, pois eles são grandes e irão te estufar!

Vamos fazer apenas um parenteses agora para falar não da comida, mas das bebidas. O chá verde é sempre algo que o Gourmet San se atenta nos restaurantes japoneses. Alguns cobram, outros não, sou a favor de não cobrar! Como não estava com vontade de nenhuma bebida industrializada, pedi o chá verde, que custa 2,90, pensei que fossem servir apenas um copinho, mas para minha surpresa, tcharam!!!

Sim, me deram um bule (bule?) inteiro de chá verde, pelando de quente! Ponto positivo pro Yokozuna, se tem algo feio nos restaurantes japoneses, é miguelar chá verde.

Agora, seguindo em nosso jantar, veio o primeiro combinado:Nada de espetacular como podem ver, fiquei feliz em ver fatias grossas de atum e de peixe branco. O Yokozuna se preocupa em não servir fatias muito finas, o que é muito bom pois ninguém quer carpaccio de salmão, qualquer vídeo no Youtube mostra como a espessura do sashimi é importante! O Gourmet San até falou disso num post sobre curiosidades sobre sushi! Mas…seguindo, os uramakis estavam muitos gostosos, assim como os nigiris, não é mérito tanto para os peixes, mas sim para o arroz, extremamente macio e bem temperado, por instantes me lembro o do Sushi Guen (ok…vou me conter, estava bom mas não é para tanto).

Pedimos uma porção de hot roll, afinal, logo na entrada está está escrito que o restaurante foi o responsável por introduzir este prato aqui! Estava gostoso, a porção um pouco pequena demais para 3 adultos, não era tão bom como o do Mussashino, vejam abaixo:

Ainda estávamos com fome, então pedimos mais um, dessa vez disse a garçonete que pedisse ao sushiman que preparasse algo especial, mais diferente!

Como podem ver no centro, nos serviram nigiris de atum e sashimis de atum com crosta de gergelim, ok a idéia é muito boa e clássica já, mas longe de ser executada com primor, eles poderiam ter caprichado mais e realmente ter surpreendido por completo o Gourmet San! Mas mesmo assim estava bom. Outro fato notável desse segundo combinado foi o aumento significativo de wassabi nos uramakis e nigiris, eles realmente capricharam!

No final desse combinado não aguentávamos mais, tudo estava bom, nada excepcional, mas nada a reclamar, de forma alguma.

De conclusão, podemos dizer que o Yokozuna tem um preço justíssimo, tudo servido é gostoso mas especialmente um prato: os temakis, são os melhores de todos rodízios de sushi por que já passei! Recomendo muito, sobretudo o de salmão skin! Mas além dos temakis, da qualidade do arroz e também do ambiente tradicional, não consigo identificar um motivo para o Yokozuna se destacar tanto a ponto de ser escolhido como melhor restaurante japonês com rodízio de sushi de 2008 pela Época. Mas mesmo assim vale a visita, sem dúvida.

Abs

Gourmet San

Restaurante Mussashino – os temakis tradicionais

Olá a todos!

O Gourmet San traz a vocês uma nova review do aconchegante e tradicional restaurante japonês da zona oeste de São Paulo, o Mussashino, Rua Padre Carvalho, 753, Pinheiros – CEP 05427-100, tel: 11 3816-2739. Lá é um dos poucos lugares de São Paulo onde você encontra o rodízio de temaki, por 31 reais, ou o rodízio completo, por 37 reais. A diferença basicamente entre os rodízios é o que o próprio nome diz, no de temaki, você não encontrará sashimis, nem enrolados nem nigiri sushi e também não, infelizmente, o hot roll.

A Dona Helena é a responsável pela produção rápidas dos temakis! Aqui uma nota, temakis tradicionais, nada de temakis gigantescos ou de recheios mirabolantes, ela fica com os clássicos. Eu digo temakis em formato tradicional por que? Por que o temaki surgiu com uma maneira rápida de se degustar os enrolados com alga, ou seja, ao invés de se estender a esteira de sushi, colocar a alga, o arroz, o recheio, enrolar, apertar bem com a esteira, retirar o enrolado feito, pegar a faca bem limpa e afiada e cortar em enrolados menores, o sushiman apenas pega com a palma da mão a alga, coloca o arroz, o recheio e enrola, de forma super rápida! E é assim que é feito no Mussashino. Por isso, caros leitores, quando você vai em alguma temakeria ou restaurante japonês em que o temaki demora muito a sair, pode ter certeza que eles não entendem bem a tradição japonesa do temaki.

O Gourmet San foi com um amigo ao Mussashino e o servido nessa noite foi:

Shimeji muito gostoso, bem temperado e quentinho, no ponto!

Sashimi de salmão e peixe branco (prego) com raspas de limão

Como pedimos o rodízio completo, nos foi servido o combinado abaixo, com enrolados de salmão, atum e nigiris de salmão skin (com bastante carne do salmão), salmão e peixe prego com raspas de limão.

Hot Rolls super quentes, sim, eles saem da cozinha direto para a sua mesa, não há enrolação! Lembrando, como foi dito e mostrado na primeira review do Gourmet San sobre este restaurante japonês, que o hot roll deles tem a receita perfeita, com salmão, kani e cream cheese.

Aqui vocês veem o primeiro pedido, o temaki simples de atum, cortado em cubos, se notarem na parte de cima da foto, verão que o temaki não é um cone perfeito como na maioria das temakerias, ou seja, ele é feito como foi concebido tradicionalmente, um enrolado prático!

O segundo temaki que pedimos foi o de salmão skin. No mussashino eles tem uma característica, como eu disse acima, de deixar uma boa parte da carne do salmão no skin! Fica gostoso, não é o skin ideal, crocante, mas é muito melhor que servir só a pele, horrível, como a receita do Makis Place.

Aqui abaixo um dos temakis favoritos do Gourmet San, o temaki de salmão simples com gergelim. Aprendi que o gergelim realça o sabor do peixe, através do shoyo de uma maneira incrível! Lembrando que todos temakis do Mussashino vem com a alga super crocante!

Bom gente, como vocês podem ver, o Mussashino é uma das melhores opções na Zona Oeste, para você que curte um ambiente mais tradicional, sem opções sofisticadas, mas que tratam o cliente com muito respeito, preparando todos os alimentos na hora! Nada é pré feito! Por isso se você for lá e achar que os pratos quentes estão demorando um pouco, não ache ruim, eles estão trabalhando na sua refeição! Além desses pratos mostrados, o Mussashino também possui um cardápio com pratos típicos, como peixe grelhados, lámen e até ostras!

Para ler a primeira review do Mussashino feita pelo Gourmet San, clique aqui.

Abraços

Gourmet San

Temakeria e Cia – mais 2 temakis

Olá a todos!!

Hoje o Gourmet San volta com uma nova review dos temakis super saborosos e impecáveis da Temakeria e Cia que possui 4 endereços: Rua Joaquin Floriano, 307; Rua Oscar Freire; 507 e Rua Henrique Monteiro, 70, e Al. Santos, 1.187  (www.temakeriaecia.com.br/)

Para ler Temakeria e Cia pt1, com temakis sensacionais com ovas, camarão empanado etc, clique aqui. Para ler Temakeria e Cia pt2, sobre os temakis “menores”, mas nem tanto, clique aqui.

O Gourmet San em breve deverá ter provado todos temakis da Temakeria e Cia!

O primeiro de hoje é o temaki de salmão simples em cubos, do tamanho menor!Olha só, eu recomendo muito pedir em cubos! os primeiros pedaços você come como se fosse sashimi, e o salmão da Temakeria e Cia é de alta qualidade, muito do salmão servido deve vir da barriga do salmão, ou seja, a parte mais gordurosa e saborosa! Esse temaki sai por menos de 10 reais!

O segundo temaki que pedi foi um de 150g, o Temaki do Chefe 1, com salmão, salmão skin, ovas de arenque e crispe (flocos de tempurá).Esse temaki é um dos melhores da Temakeria e Cia, ele está na faixa dos 18 reais e faz parte dos temakis especiais! Vale a pena, assim como todos os outros, só talvez não seja melhor dos que vêm com camarão empanado, mas também por que aí é covardia!

Bom gente, é isso, Gourmet San em buscar de “zerar” todo cardápio da Temakeria e Cia!

Abs, até a próxima!

 

Restaurante Sushi Tori – rodízio de sushi em Pinheiros

Olá honoráveis amantes do peixe cru!

Após um pequeno período sem atividade, o Gourmet San volta com tudo! O novo site está dando trabalho mas estamos fazendo de tudo para que ele fique perfeito para vocês. Mas as reviews dos restaurantes japoneses e dos rodízios de sushi não podem parar!

Hoje falaremos de um restaurante japonês chamado Tori (http://www.sushitori.com.br/home/), localizado na Av. Pedroso de Moraes, 1051, tel 3813-5174, no bairro de Pinheiros. Ele fica a passos dos super badalados barzinhos da Vila Madalena!

O rodízio de sushi durante a semana a noite, sai por 37,90! Um preço muito justo pelo o que eles servem! Diferente da maioria dos restaurante de rua, o Tori possui duas vagas na entrada, facilitando para seu cliente! Os garçons são muito gentis e atenciosos, sobre tudo o Floriano, empregado de longa data da casa e que faz a diferença no atendimento!

Eu já havia ido algumas vezes ao Tori, porém um amigo meu, que conhece melhor o Tori, disse para eu ir além do rodízio e pedir um combinado mais especial, mesmo que saia um pouco mais caro! Eu o fiz e não me arrependo! O Tori possui iguarias deliciosas.

De entrada o de sempre, guiozas, shimeji, sunomono e o sashimi de salmão, mas dessa vez não era no molho ponzu e sim num molho a base de azeite, dá pra ver claramente pela foto!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O único ponto negativo das entradas do Tori é que eles não possuem harumaki (rolinho primavera) de legumes, apenas de queijo.

Agora vamos ao principal da noite:

Como vocês podem ver, o combinado foi feito com primor e grande variedade! Nota para os nigiri de polvo e nigiri de camarão posicionados em pé, também para os belos sashimis e enrolados. Mas é claro que você não acham que esqueci desses sushis exóticos que estão nas pontas de cada lado da bandeja, né? Vamos dar um zoom!

No canto esquerdo embaixo temos um enrolado de pepino com salmão, kani e cream cheese, ele é muito gostoso e honestamente, foi a única vez que um restaurante me serviu! O truque dele é não ser tão ácido, a escolha do pepino tem de ser importante. E mais abaixo um sushi inédito para mim! Um gukan ika com wassabi, ou seja, um enrolado com lula e wassabi! Uma delícia! Mas cuidado, não é recomendável fazer em casa, os ingredientes tem de ser cuidadosamente cuidados e super frescos!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Do outro lado da bandeja, do lado direito e embaixo, encontramos outra grande surpresa da noite e que o sushiman do restaurante japonês Tori nos presenteou, um sushi de barbatana de tubarão, mais um em estilo gunkan, com o bolinho de arroz e uma alga maior o cobrindo e dando sustentação para a iguaria! Como sempre, uma delícia, esse sushi vale a pena comer sempre! Na parte de cima da foto um sushi com ovas vermelhas de peixe voador!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Resumindo, o sushi Tori é uma ótima escolha para um sushi muito gostoso no bairro de Pinheiros de São Paulo, na Zona Oeste, mas atenção, ele pode ser ainda melhor se você investir um pouco mais nesses sushis exóticos que a maioria dos rodízios de sushi nem diz que servem de maneira a la carte!

Abs

Gourmet San

Temakeria e Cia pt1

Boa tarde!

Hoje o Gourmet San continuará a análise de temakerias da cidade de São Paulo! A bola da vez é a Temakeria e Cia que possui 3 principais endereços: Rua Joaquin Floriano, 307; Rua Oscar Freire; 507 e Rua Henrique Monteiro, 70, (www.temakeriaecia.com.br/) . O Gourmet San já visitou os 3 endereços diversas vezes! Atenção, o endereço da Joaquim Floriano é o único que fica aberto até de madrugada!

A Temakeria e Cia oferece temakis com um tamanho acima da média, com 150g. Apesar de outras temakerias hoje em dia também oferecerem temakis maiores, foi a Temakeria e Cia que bombou essa idéia aqui em São Paulo!

O cardápio de temakis não é extenso, mas honestamente, acho que eles possuem a quantidade certa com a variedade de ingredientes correta! Desde os mais simples até os com ingredientes exóticos como barbatana de tubarão!

Vamos a o que interessa! Os temakis!!

Temaki de salmão simples e completo com maionese, 150g, 12-13 reais:

Os temakis são imensos, as algas crocantes, o peixe fresco e saboroso e o arroz bem temperado. A quantidade de salmão que vem na frente é muito grande, você terá de utilizar os hashis para iniciar a degustação, até conseguir pegar o temaki com a mão! Apenas para frisar que aparentemente a Temakeria e Cia possui a melhor combinação do preparo do arroz, com o salmão e a alga! A receita do shari deles é ótima sem dúvida.

Temaki de camarão empanado com maionese temperada com ovas, 150g, 18-19 reais:

Caros leitores, se tiverem a chance, por favor, experimentem esse temaki! Os camarões são empanados com primor e são muito bem temperados também. Agora a surpresa fica pela maionese, ela adquire um sabor muito gostoso com as ovas! Sabe aquele gostinho que você sente quando está comendo uma porçãozinha de petisco com maionese? Então, a sensação é essa! Mais uma bola dentro dessa temakeria!

Temaki de salmão com shimeji, 150g, 13 reais:

Esse temaki é o que menos me impressionou de todos que já provei da Temakeria e Cia. O shimeji não acrescentou muito no sabor do temaki, infelizmente. Não veio aquele sabor gostoso de quando você come um shimeji na chapa! Não sei o que faltou, pois quando ele é servido como entrada, são usados diversos temperos, como shoyo, sakê, manteiga etc! O temaki não é ruim, mas o molho tarê deu um salvada, afinal molho tarê com qualquer coisa fica bom (receita de molho tarê 50% shoyo, 50% açúcar)!

Temaki de salmão com camarão empanado, 150g, 18-19 reais:

Pois é, não há o que dizer, a combinação salmão, camarão empanado e molho tarê é imbatível demais! Começar a comer esse temaki pegando os pedacinhos de camarão com a mão não tem preço. Este temaki é um delícia, do começo ao fim, aliás, uma coisa que eu primo num temaki é se, desde a primeira mordida até a última, você consegue saborear todos ingredientes, e a Temakeria e Cia faz isso muito bem!

Bom gente, dessa vez ficou por aqui, voltarei a falar da Temakeria e Cia em breve e apenas para complementar, o ambiente e o serviço são muitos bons também, além de que, ela é a única temakeria que te serve como cortesia o sunomono, aquela entradinha de pepino!

Hoje ficamos por aqui!

Abraços e bom temaki pra vocês!

Gourmet San

Restaurante Mussashino – muito mais que um rodízio de temaki em Pinheiros

Hoje vou falar de um restaurante japonês que eu adoro, é o Mussashino, Rua Padre Carvalho, 753, Pinheiros,  (11) 3816-2739. Sou cliente desta casa que une: bom preço, boa comida, ambiente hospitaleiro e ainda carrega consigo a tradição gastronômica da terra do sol nascente.

Logo que você entra você encontrará a dona, a simpática e sempre sorridente Dona Helena! Faz temakis com incrível rapidez e que, ao te entregar, se já há comida na mesa, a garçonete diz: “coma antes o temaki, a alga ainda está crocante”.

Não espere encontrar infinitas variedades de temakis, você está lá para comer salmão, atum, salmão skin, califórnia e mais alguns, claro que se você quiser, eles fazem qualquer mistura!

O Mussashino está longe de oferecer apenas temakis, as entradas são ótimas: harumaki, guioza, um delicioso tempurá de legumes, do jeito que eu gosto, todos ralados e fritos juntos. Agora, o segredo da casa… O MELHOR HOT ROLL que você pode comer. De verdade, quem lhes fala é um especialista em hot roll, experimentei em diversos restaurantes e além disso, também os faço quando cozinho, e meu hot roll é unanimidade, sempre ouço que é melhor do que dos restaurantes. Mas o hot roll do Mussashino é espetacular, feito na hora e servido quente, me ouçam, QUENTE! Nele vocês encontraram a mistura perfeita de salmão, kani e cream cheese, fritos numa massinha perfeita e tudo coberto pelo molho tarê.

Além de tudo isso, o Mussashino ainda possui um cardápio bem servido de pratos tradicionais da culinária japonesa, como peixes, macarrões, ostras as vezes etc.

O rodízio atualmente sai entre 30 e 37  e poucos reais, o só de temaki também oferece niguiris de salmão e peixe branco, além de enrolados. O rodízio mais caro contempla sashimi, eu não recomendo, gastar com sashimi quando se tem tanta coisa boa pra comer é besteira. Última característica da casa: servem refri em garrafinha de viro e o clássico chá verde cortesia.

 

 

 

 

 

 

 

 

Em breve o Gourmet San trará fotos dos temakis também!

Abs

Gourmet San

Caso deseje que seu restaurante também seja analisado, envie email para contato@gourmetsan.com!