Ajissai, a casa do Tonkatsu!

São Paulo é cheia de surpresas e cada vez mais me convenço de que nossa oferta gastronômica é das melhores, se não a melhor, do mundo. A surpresa da vez foi o Ajissai, uma casa, pasmem, especializada em tonkatsu, que consiste no filé de porco empanado e frito!

O Ajissai, fica localizado na Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 372, tel (11) 5549-0627 e fica ali no bairro da Vila Mariana, mas bem próximo do metrô Ana Rosa, aliás eu fui de metrô pra lá mesmo.

O restaurante fica logo depois de um restaurante oriental, curioso, mas passe direto e entre no Ajissai que tem uma portinha de madeira bem discreta e fechada, mas com a plaquinha dizendo que está aberto.

Assim que você entra, a primeira coisa que se nota é o cheiro de fritura, não tem como, é uma casa que só faz isso, é como uma pastelaria, então por favor, sem precoceitos, a casa é o que ela é.

O ambiente é bem legal, conta com um balcão de madeira bem grande e algumas mesinhas, além de um primeiro andar que não cheguei a ir.

Vamos começar a falar da comida? O cardápio é muito peculiar, é repleto de imagens dos pratos, então é uma experiência única ver de cabo a rabo tonkatsus e outras frituras. Nesse momento eu nem sentia mais o cheiro de fritura.

Como eu estou numa missão que em breve virará série (o rolê do karê), pedi o tonkatsu karê que saiu por uns 40 e poucos reais. Pedi também uma coca-cola com um copo cheio de gelo pois tava quente e comendo fritura com karê, eu queria sair bem de lá, rs.

Enquanto meu prato não chegava, observei mais o ambiente, todos funcionários japoneses e todos clientes japoneses, com exceção a mim, gaijin, rs. Ou seja, o lugar é bem tradicional, é mais um desses lugares clássicos, para você consumir não só a comida mas também a cultura. No alto do balcão uma TV sintonizado num canal japonês também.

Meu prato não demorou muito e chegou, vejam abaixo:

Assim que ele chegou eu pensei, cadê o arroz??? Pois bem, ele estava embaixo do karê, em boa quantidade =)

Me deram uma colher para comer o prato, mas é impossível, como comer essas fatias de porco com uma colher? Então ela me ofereceu o hashi também, o que facilitou bastante, porém para ser sincero, eu acho que o ideal é o bom garfo com faca! Mas eu me virei bem com o hashi e a colher.

Parti para o ataque! Antes de mais nada vale dizer que esse é o karê menos restauranteur ou gourmet que já tinha visto, gostei muito, tava com cara de comida caseira mesmo, um bom peéfão, como deveria ser. Arroz, karê por cima e o tonkatsu fatiado no canto.

O prato veio numa quantidade ótima para eu acabar sem ficar cheio nem com fome, na medida, como deve ser. Esse foi o karê com mais pedacinhos de carne desfiada e cebola de todos que comi, o que complementa o caráter rústico dele.

Agora uns pontos que me decepcionaram um pouco, o pedaço de tonkatsu era um pouco pequeno, tive de economizar para ele não acabar antes do arroz e do karê. Aproveitando…o karê estava leve demais, eu esperava um pouco mais apimentado pois já me falaram que em geral casas tradicionais japonesas fazem karê bem picante. Mas aí me toquei de um ponto…

Eu não pedi o carro chefe da casa. Ah sim, eu pedi o tonkatsu, mas pedi um basicão com karê. Todos os pratos do cardápio onde o tonkatsu é a estrela principal ele vem com 2 filés, então o vacilo foi parcialmente meu mesmo. Depois pesquisei mais e vi que uma das grandes estrelas da casa é o Tonkatsu no molho com missô, deve ser delicioso! Outro prato que sai bastante e recomendaram é o croquete, que eu vi numas duas mesas sendo servido.

Resumo da ópera, terei de voltar! Provavelmente vou apostar em algum tonkatsu e num croquete, pois o karê foi ok apenas…

E você já foi no Ajissai? Me conta como foi!

Abraços

Gourmet San

Os melhores de SP em 6 semanas epi 6: Shin Zushi

Olá a todos,

Depois de um atraso de quase 1 mês conseguimos finalizar a lista dos melhores restaurantes japoneses de São Paulo. Hoje é o sexto e último episódio de uma série especial, todo domingo a noite, tivemos um post inédito sobre um restaurante japonês top de São Paulo e seu menu degustação (omakasse).

As visitas foram feitas por um enviado especial do Gourmet San, o Will, um colega fanático por comida japonesa e que visitou apenas as indicações dos melhores! Foi assim, através de indicações minhas e uma pré-lista dele que se deu início a o que talvez tenha sido uma das maiores sagas de restaurantes japoneses, ele percorreu os melhores restaurantes japoneses seguidos, um por semana! Então ele tem a visão única do atual estado dos melhores!

Para fechar com chave de ouro, nada melhor que um dos mais tradicionais restaurantes da cidade, o Shin Zushi, chamado carinhosamente de Shin. Eu já tive oportunidade de visitá-lo, num jantar tranquilo entre amigos, onde você pode ler aqui. Ele fica localizado na R. Afonso de Freitas,169, no bairro do Paraíso, tel 11 3889-8700.

O Shin tem história viu, se tem! Só para vocês terem uma idéia, eles possuem como se fosse um convênio ou intercâmbio com um restaurante no Japão que eles chamam como se fosse a matriz de todos. Do Shin e desse intercâmbio já participaram o Edson Yamashita (Aze Sushi) e o Egashira Keisuke (Sushi Kan), então o negócio é sério, rs. Hoje quem está a frente do balcão da casa é o Ken Mizumoto (primo do Edson) e seu irmão Nobu.

Com toda essa história um ponto vocês já devem imaginar, o Shin não cobra barato, aliás ele é bem carinho. Claro que na lista desses melhores de SP, nenhum restaurante é barato, mas talvez o Shin seja dos mais salgados. Em geral a impressão dos clientes é mista, alguns acham o local magnífico e justo e outros o acham insanamente caro. É entre essas e outras que o famoso blogueiro paulistano cult-undergroun JB (boteco do JB) fez uma crítica ferrenha ao restaurante recentemente que recomendo que todos leiam com pensamento crítico, afinal ele não tem papas nas línguas.

A visita de hoje não foi feita por mim, assim como as outras dessa série especial também não. Elas foram feitas pelo Will, então vamos as considerações dele, mas antes disso, as fotos é claro. Já digo vejam todas, elas são magníficas, os sushis e pratos servidos realmente são incríveis!

Muito bom né? Digo novamente: Muito Bom! Claro que por 250 pilas, tem de ser muito bom mesmo!

Segundo o Wil os ingredientes são dos melhores e a vantagem de se pedir o omakase é que vão te servir sempre o melhor que a casa possui, então a possibilidade do tiro ser certeiro é grande. Somado a isso a vantagem é que o omakase provavelmente sempre será diferente, o que te permite voltar lá outras vezes.

Alguns pratos foram inéditos, como o excelentíssimo tempurá de milho (que Will disse que repetiria infinitas vezes), cabeça de polvo empanada e variações de ostras. A impressão que ficou é que o Shin Zushi caminha no meio termo entre o super tradicional Sushi Kan e a nova geração de restaurantes da cidade (Nakka, Geiko San, Aya etc).

O ponto fraco apontado pelo Will é que o processo do omakase é um pouco demorado (perto de 2h), o que faz com que o restaurante fique cheio e demore um pouco mais ainda. Se formos comparar com o Sushi Kan, o Egashira é uma máquina, pois serve o omakasse em 45min (ok que o Sushi Kan é super pequeno). Outro ponto baixo é evitar ir no começo do ano onde os fornecedores ainda estão fechados ou em marcha lenta e s disponibilidade de ingredientes não está no pico.

Will foi enfático sobre o tako (polvo), disse que é incrivelmente macio, aliás, comentamos que a receita de tako da família Aze-Kan-Shin deve ser a melhor da cidade mesmo, pois todos fazem polvo melhor do que todos os outros restaurantes juntos. Os molhos também foram um ponto alto da noite, todos combinavam e elevavam os pratos.

Bom, é isso, Will posicionou o omakasse do Shin Zushi como o segundo melhor da cidade, só atrás do Sushi Kan e disse que realmente o lugar é carinho.

Falando em preço “carinho”, vamos falar sobre a review do boteco do JB? O post dele, muito bem escrito como sempre, transparecem uma realidade complicada do Shin Zushi, uma possível incompatibilidade entre o preço cobrado e o servido, mas o que acontece é que o restaurante é caro mesmo e no sistema de omakase não tem jeito, um dia você vai comer toro de blue fin e no outro chutoro de atum bati, a partir daí cabe ao restaurante querer ajustar os preços ou não.

Esse assunto todo é polêmico e prometo um post especial analisando a realidade foodie-gourmezística-instagramzística da cidade em breve, se escrevesse aqui seria encher lingüiça no lugar errado.

abraços!

Gourmet San

 

Sushi Cake! Novidade da Sweet Sushi!

Olá a todos,

Além de vocês que sempre me mandam novidades, meus amigos e familiares sempre comentam comigo suas experiências em restaurantes, pedem dicas ou falam para combinarmos de ir a algum sushi ou fazer em casa. Ou seja, estou sempre cercado por informações de comida japonesa por todos os cantos!

Desta maneira, novidades batem a minha porta sempre! Desta vez foi algo que eu já tinha visto por aí “nas internets”, mas nunca tinha nem pensado que iria provar. Estou falando de sushicake (bolos de sushis), ou de sushis em formato de bolo!

Antes que vocês comecem a torcer ou nariz ou fazer cara feia, podem parar, isso já existe faz um bom tempo no exterior e grandes chefes já aprovaram, como o Morimoto (que foi um Iron Chef original), e é um dos maiores nomes da culinária japonesa do mundo.

Vocês então devem estar se perguntando: “mas então Gourmet San, nos diga, é bom? onde? quanto? como??”

Ok, vamos lá! Aqui em São Paulo temos uma empresa pioneira em sushi cakes (sushis em formato de bolo) que é a Sweet Sushi! Eles acabaram de começar as operações e já estão fazendo sucesso! Claro que fiquei sabendo rapidamente deles e fiz questão de ver qual que é a desse sushi em formato de bolo!

Por enquanto eles não possuem site, mas possuem uma fanpage no facebook e aceitam pedidos por lá, por email (sweetsushisp@gmail.com) ou telefone (11 95874-5248). Achei que eles estariam sem movimento, afinal acabaram de abrir, mas a coisa ta indo bem aparentemente, pois fiz um pedido correndo em cima no dia 23/12 e eles só puderem me enviar no dia 24/12 depois do almoço. Ou seja, programem-se, caso queiram provar um bolo de sushi no jantar, peçam no horário do almoço. Os bolos não estão prontos, como estamos falando de sushi

Eu pedi 2 bolos de tamanho P, que servem 2-3 pessoas e custam 70 reais cada um, ou seja, mais ou menos de 25-35 reais por pessoa, bem menos do que qualquer rodízio de comida japonesa! Bom, vamos ver se vale a pena abaixo?

Sushicake 1: Sweet & Spicy

Sushicake de salmão com raspas de limão, avocado e mais alguns ingredientes que não consegui decifrar. Para cortar é bem fácil, aliás muito mais do que um bolo normal, pois o arroz cede bem mas como o bolo é bem montado, ele não desmonta em nenhum momento.

O sabor desse sushicake é excelente! Ele traz a combinação de salmão com raspas de limão, que é classicamente conhecida e funciona muitíssimo bem. Além disso, o avocado (abacate) trabalha super bem e vale lembrar que ele é ingrediente comum na culinária japonesa nos EUA. Infelizmente os abacates estavam um pouquinho desformes, isso é por que não eram avocados.

Vejam abaixo o bolo de outro ângulo.

Pois é, dá pra ver que vai bastante salmão, não é um bolo de arroz. Para melhorar ainda mais esse bolo é só colocar um pouquinho de shoyu ou tarê, e foi o que eu fiz! Agora vamos ao  outro bolo!

Sushicake 2: Salmão Sweet & Frutas

Bonito né? Esse é um sushicake muito mais complexo, ele leva diversas frutas como morango, cerejas, amoras, manga além do avocado e essas foram a que percebi. Sendo bem sincero, foi um pouco fruta demais, mas estava gostoso também, apesar de eu ter preferido o sushicake anterior. Quando cortei o bolo percebi que tinha muito mais ainda, vejam abaixo.

Dentre os ingredientes ainda percebi o gergelim e filamentos de algum vegetal (talvez cebolinha e alga-nori). Diferente do outro, esse não acrescentei nem shoyu ou molho tarê, mas acho que caberia muito bem também. Vale a pena comentar que as frutas selecionadas combinam bem com o salmão e o arroz adocicado, então tudo caminha bem.

Mas vamos lá, é necessário fazer uma análise mais ampla do conceito desses sushicakes e não apenas dos sabores de cada um. Isso é muito importante pois a todos que mostrei o sushicake acharam estranho a primeira vista, com preconceito obviamente, mas depois de provarem a coisa mudou, davam uma risadinha e diziam: “não é que funciona mesmo? gostoso heim!”

Os sushicakes ou bolos de sushis, vão mais para o lado dos sushis do que de bolos, então não pense em algo como um pão-de-ló, suspiro e salmão e sim como um sushi grande com um trabalho especial. Para ser mais preciso ainda, eu diria que se trata de uma versão maior e mais bem elaborada dos bateras, famosos sushis prensados.

O sabor também não é algo super doce como os bolos normais, mas ele segue a linha de sushis agridoces que temos hoje em dia, portanto se trata de uma versão maior de sushis.

A Sweet Sushi possui diversas opções em seu cardápio, inclusive opções servidas em copos, vale a pena conferir, eu gostei muito da novidade!

Abraços

Gourmet San

O incrível Menu Premium do Chefe Mario do São Paulo-Tokyo

Olá a todos,

Um tempo atrás fui conferir o restaurante São Paulo-Tokyo, do chefe Mario Tucillo. Diferente da maioria dos restaurantes japoneses de qualidade, que possuem um oriental liderando por trás do balcão, o chefe Mario, loirinho e com cara de sulista, te surpreende. Ele conhece muito de comida japonesa e já tem uma longa experiência!

Recentemente ele abriu uma nova filial do restaurante bem próxima da original. Localizado na Rua Pedro de Toledo, 399, São Paulo – SP, telefone: (11) 5083 6577.

O ambiente é muito bonito! Um vidro enorme na fachada, não deixando o ambiente escuro, poucas mesas e um enorme balcão! Eu fui lá exclusivamente para conferir o Menu Premium (R$78,00) que tanto o chefe Mario quanto os perfis de redes sociais do restaurante São Paulo-Tokyo postam nos últimos tempos. Bom não me arrependi!

O valor parece meio salgado, então vale como comparação com o rodízio do Mori Sushi, que é o que temos de melhor em termos de rodízio de comida japonesa na cidade de São Paulo.

O São Paulo-Tokyo possui 2 menus, um a la carte, e outro para o Menu Premium. Isso eu acho fundamental e respeito muito os restaurantes que fazem isso, ou seja, abrem o jogo de tudo que realmente servem para seus clientes, e permitem a eles pedir quantas vezes quiserem.

Sentamos no balcão e como a casa também é especializada em temakis, pedimos um de atum e um de camarão empanado! Estavam bons, mas não excepcionais, porém não é pelos temais que visitei a casa e sim pelo Menu Premium, então vamos lá.

Após os temakis, começamos com as entradas e alguns pratos quentes. Nossa escolha foram pelo guioza, harumaki (rolinho primavera), shimeji com lula e shitake na manteiga, vejam só abaixo:

Como vocês podem ver, o guioza foi feito no vapor, super macio e gostoso, só acho que faltou algum tipo de tempero na carne para senti-la mais. O shimeji foi servido junto com anéis de lula. Mas agora, vamos falar do outro congumelo! O shitake estava demais, simplesmente delicioso, eu pessoalmente prefiro o shitake ao shimeji, ele tem mais sabor!  Vale a pena citar que as porçõezinhas são pequenas, o que é ótimo e mostra que o restaurante não quer que você encha a barriga e não coma o resto.

Não posso esquecer do harumaki, rolinho primavera:

Fiquei super feliz em ver rolinhos primavera que me lembrarem em aparência os do restaurante chinês Ton Hoi, que eu sou fã (claro que os do Ton Hoi são inigualáveis). Eles vieram moreninhos, levemente tostados e com o recheio de legumes, sempre! Não acho legal harumaki de queijo, pastel de queijo como na feira, hahaha!

Preciso comentar algo super importante, esses tomates cereja foram essenciais para quebrar o sabor forte que fica na boca após o rolinho primavera e os cogumelos na manteiga. Afinal nada mais importante do que começar a provar peixes com o paladar limpo!

O Chefe Mario começou com um ussuzukuri de peixe branco (robalo), maçaricado com azeite, flor-de-sal, limão sisciliano e hiyashi wakame (que é uma alga japonesa especial):

Simplesmente delicioso! Demais! Demais! Um sabor novo, que eu nunca havia provado antes, o chefe Mario acertou em cheio. O robalo estava super macio e os temperos que ele colocou, junto desta alguinha verde especial fizeram este prato ser demais mesmo! Vacilei em não pedir um repeteco!

Seguindo, mas um prato com fatias de peixe, um carpaccio de salmão no molho ponzu, regado com azeite de trufas brancas, flor-de-sal e cebolinha:

Este prato também estava divino, o aroma de azeite de trufas realmente dá um toque muito especial. Mas este prato não é tão especial quanto o outro, porém ainda assim, é bem gostoso, acho que o chefe Mario poderia achar um substituto pro ponzu talvez, mas só estou dando pitaco, o prato estava excelente também.

A seguir, a 3a entrada especial do Menu Premium, o chamado sushi del fuego, que é um jow de salmão, recheado com salmão frito, temperado com mostarda, mel e molho teriyaki:

Gostei bastante deste sushi, é uma receita bem diferente de todos sushis flambados que já me serviram antes. A combinação funciona bem e o garçon foi prestativo o suficiente para nos falar para não comer o pepino que é utilizado como base deles. Isso é muito importante, nunca me esqueço de quando fui ao Kinoshita, como explicavam cada prato minuciosamente, faz toda diferença e damos muito mais valor!

Agora vamos para o ponto alto do jantar, os nigiris especiais do Chefe Mario.

Acima vocês veem 4 tipos de nigiris, atum com foie gras, salmão com azeite de trufas e raspas de limão sisciliano, robalo com oroshi e polvo com azeite de páprica!

Todos são absolutamentes únicos e deliciosos, tanto que eu repeti depois =) O Menu Premium vale a pena só por questão deles! Então vale a pena dar uma olhada mais de perto em cada um.

Nigiri sushi de polvo maçaricado com azeite de páprica:

Nigiri sushi de salmão maçaricado com azeite de trufas e raspas de limão sisciliano:

Nigiri sushi de robalo com momiji oroshi (nabo com pimenta) e raspas de limão sisciliano:

Nigiri sushi de atum com foie gras maçaricado:

Cada um deles é excelente em sua característica única. O chefe Mário acertou em cheio, não tenho do que reclamar! Dá pra ir no São Paulo-Tokyo pedir uns 20 variando entre os 4 e já ficar feliz!

Ahá, mas ainda não acabou! Temos ainda o combinado de sushi e sashimi com sushis especiais: uramaki ebiten (camarão empanado), jou de salmão com creamcheese, batera sushi crispy e um enrolado de salmão frito com salmão por cima. Vejam abaixo:

Este é o único ponto fraco do Menu Premium, não que seja ruim,  porém fica muito abaixo das entradas e dos nigiris especiais. Não precisaria de muito para elevar os enrolados especiais a realmente um nível mais alto, por exemplo, o baterá poderia ter mais casquinhas de tempurá bem salgadinhas, os enrolados poderiam ter alguns ingredientes mais agressivos, como um camarãozinho cozido por cima ou ter uma uramaki de atum spicy! O mesmo acontece com os sashimis, após comer aqueles carpaccios incríveis do início do jantar, esses perdem um pouco a graça, talvez fosse a chance de servir um atum ou salmão selado com molho especial e um robalo com ovas.

Terminamos mas ainda tinha mais um prato do Menu Premium que foi demais, um yakitori de bacon com shimeji:

Simplesmente divino, vale cada mordida!

Após este, terminamos felizes da vida, mas prontos para a sobremesa, um delicioso sorvete de creme entre duas torradinhas =)

Terminamos o jantar, tudo uma delícia sem dúvida, vale a pena muito retornar lá, não vejo a hora! O Chefe Mario só precisa fazer uns ajustes no combinado com os sashimis e os enrolados.

Abraços

Gourmet San

Gourmet San visita o Shin Zushi, finalmente!

Hoje a review de um restaurante top 5 de São Paulo em termos de sushi!

Se tem um restaurante que possui a aura do sushi tradicional, esté é o Shin Zushi. Considerado pelos conhecedores e apreciadores da culinária japonesa como um dos melhores sushis de São Paulo, se não o melhor, ele tem muitos motivos para realmente estar neste posto, como a história de sua equipe com muitos anos de experiência no Japão!

Fazia muito, mas muito tempo mesmo que eu estava de ir ao Shin Zushi, conhecer e  provar este sushi tão aclamado. A oportunidade surgiu com as confraternizações de final de ano,  eu e alguns colegas do trabalho, que também apreciam um bom sushi, resolvemos comemorar o final do ano  em num restaurante japonês!! Logo pensei, é a chance perfeita de ir ao Shin Zushi!  Ele fica localizado na R. Afonso de Freitas,169, no bairro do Paraíso, tel 11 3889-8700 (http://www.shin-zushi.com).

Chegamos ao restaurante e uma ótima notícia, estacionamento subterrâneo! Isso ajuda muito! Estacionamos e subimos. Assim que entrei no restaurante ele me lembrou muito o Yashiro, mas um ambiente mais claro e iluminado, com um balcão lindo e já bem ocupado, onde estavam uns 4 sushimans, todos orientais. Como estávamos em 4, não deu pra ir no balcão e fomos direto numa mesa. Vale a pena citar que as mesas no Shin Zushi tem uma separação, dando uma privacidade muito bem vinda e pouco encontrada em restaurantes.

O cardápio é grande e todos os preços são preenchidos a lápis, muito perspicaz da parte deles, mas super importante se você pensa que é um restaurante que trabalha em foco na qualidade dos insumos e que estes podem variar muito de acordo com a disponibilidade no mercado.

Não foi fácil escolher, mas a tia do Edson Yamashita, que nos atendeu, disse que seria bacana pedir 2 combinados de sushi e sashimi (R$240,00 cada). Confiamos nela e pedimos.

Antes de falarmos de comida, vale a pena ver a linda porcelana que eles possuem:

E também o senhor copo onde foi servido o bancha! Este copo é sólido, pesado, material incrível mesmo, fiquei surpreso, ajuda a não queimar as mãos:

 Depois de um tempo chegaram 2 combinados deste abaixo, milimetricamente iguais:

Os nigiris estavam uma delícia, arroz na temperatura ambiente, peixes super saborosos,  todos estavam muito bons mesmo, mas não absolutamente incríveis. Não vou negar que eu estava esperando alguns especiais e diferentes, mas depois nos explicaram que este combinado é mais basicão, então foi bom perceber que mesmo com o básico, o Shin Zushi tem uma qualidade excelente, apesar do preço salgado.

Os sashimis estavam ok apenas, o de atum e o de lula sem dúvida nenhuma foram os melhores, o de atum estava tão refrescante quanto o nigiri, e o de lula estava com a consistência e sabor característico, sem dúvida nenhuma fizeram um bom trabalho. Já o de salmão foi o ponto baixo, eu esperava um salmão no mínimo com o sabor igual ao do Shigueru, mas honestamente, achei pior que o do Mori, sem dúvida não foi o melhor pedaço do peixe.

Este combinado ainda tem um terceiro elemento, os enrolados (makis), os de atum com pepino e os de salmão com pepino estavam excelentes. É como eu sempre digo, quando um restaurante faz o básico ser delicioso é por que é um restaurante muito bom! A única decepção foram os kappamaki (enrolados de pepino), honestamente, achei um pouco decepcionante servir enrolados de pepino num combinado de 240 reais, seria melhor terem servido mais tekkamakis (enrolados de atum).

Terminamos e fiquei satisfeitíssimo em termos de fome. Realmente este combinado dá pra dividir em duas pessoas sim, mas quem disse que foi pra isso que fui ao Shin Zushi?! Eu fui lá pra comer os incríveis nigiris que já ouvi falar e também iguarias. Então pedimos mais alguns nigiris:

Acima vocês veem toro (parte gorda do atum), lula, carapau, polvo. Na parte de baixo: 2 tamagoyaki, camarão e 2 uni.

Eu comi o de lula, carapau, uni e tamago, estavam todos excelentes mesmo, sushis de tamanho perfeito! A lula foi preparada com um corte lindo, o tamago e o uni foram dos melhores que já provei no Brasil. Um amigo meu comeu o toro e disse que estava sensacional, porém a aparência não é de toro mesmo! Mas se meu amigo disse que estava bom, eu acredito, afinal ele conhece de sushi também.

A conta deu mais ou menos 160 reais por pessoa já com bebidas e serviço e a hora de pagar a conta a tia do Edson Yamashita do Azê Sushi perguntou se o sushi do Shin Zushi era melhor. Eu hesitei um pouquinho e disse que baseando nesse combinado e nos sushis, o sushi do Azê era melhor sim. Ela deu uma risadinha e disse pra dá próxima vez deveria sentar no balcão e pedir o omakasse, que foi justamente o que o Edson havia me sugerido. Acatei na hora e já coloquei na minha listinha voltar ao Shin Zushi justamente pra isso.

Pagamos a conta e saí satisfeito, mas ainda quero mais, sem dúvida nenhum essa visita ao Shin Zushi não foi um reflexo de tudo que li, mas também, vou dar uma chance a eles e pedir o que recomendam.

Forte abraço

Gourmet San

 

Meu Sushi Delivery – o melhor delivery de comida japonesa de São Paulo

Queridos amantes do peixe cru e do arroz avinagrado!

Aqui encerro uma sequência de análises de deliveries de sushi, mas por que? Por 2 motivos, o primeiro é que está na hora de fazer um apanhado geral de todos e também por que começarei análises de alguns restaurantes um pouco mais tradicionais e visitarei outros bairros de São Paulo que muitos leitores tem me pedindo!

Hoje retorno ao meu primeiro pedido de comida japonesa delivery de todos, o Meu Sushi Delivery. Por incrível que possa parecer, digo logo de cara, eu tive a sorte de abrir e fechar as análises com chave de ouro! =) Se você quer acompanhar a análise abaixo de uma maneira melhor, recomendo que leia a review do primeiro pedido para ver como estavam minhas expectativas e como analisei tudo na época.

Resolvi fazer o pedido no Meu Sushi Delivery justamente para ter certeza de que é o melhor delivery de comida japonesa de São Paulo, afinal todo lugar pode ter seu dia de sorte ou azar, mas é melhor testar novamente o que foi bom e não os ruins, concordam? Hahaha

Não enrolando mais, fiz o pedido para minha família, 4 pessoas, diferente da primeira vez que pedimos para 2! Como queríamos comemorar algo especial mas não conseguimos sair de casa, não nos importamos em investir o que investiríamos num restaurante japonês bom, ou seja um pouco mais de 70 reais por pessoa. O pedido demorou 55 minutos para chegar, ou seja, praticamente 1h, não foi o delivery mais rápido, mas para um sábado a noite acho que foi ok.

O pedido chegou assim:

Logo de cara vocês podem comparar com outros restaurantes que fazem entrega, as sacolas de entrega são muito melhores e mais legais de serem recebidas, como eu já cansei de dizer, entregas em sacos pretos dá uma sensação muito de saco de lixo, desculpe dizer isso mas é a verdade, concordam comigo? Pois bem, vamos voltar a falar do Meu Sushi, né? Vejam abaixo tudo que veio dentro das sacolas personalizadas!

Além das sacolas personalizadas eles também possuem embalagens de sushi diferentes de todos outros deliveries, eu já tinha analisado isso na outra review porém vale a pena citar que, não sei o investimento que eles fazem para ter essas embalagens diferentes, mas não dever ser fácil ter algo tão personalizado assim.

Junto com as embalagens para a comida recebemos também os conjuntos abaixo com caixinhas para os hashis, mini shoyus, guardanapos e um ímã de geladeira:

Quando tiramos tudo de dentro houve um choque do pessoal que estava comigo. Minha mãe disse que parecia um presente que ela sem dúvida gostaria de receber ou até se sentiria feliz em dar para alguém. Interessante né, às vezes ficamos muito focados só em um tipo de análise e com outras pessoas comendo com você sua mente se abre a novas idéias.

Vamos lá, para a análise da COMIDA!!! To ficando faminto já, preciso começar a escrever essas análises enquanto como algo =(…

O primeiro prato que abri correndo foi o Hot Roll Salmao Meu Sushi R$ 32.90:

Nossa, me desculpem, a foto acima saiu horrível né, só percebi agora! Mas eu queria mostrar como a embalagem segurou a temperatura dos hot rolls, vejam abaixo uma foto melhor, ehehe:

Vocês perceberam algo diferentes desses hot rolls? Eles são empanados com o arroz para fora, diferentes da maioria dos lugares. Outro fato legal é que foi colocado pouco creamcheese, mas, apesar de eu não aprovar creamcheese em sushi, eu acho que faltou um pouco neste hot roll. Aliás, hot roll para mim é o único sushi que deveria ser permitido colocar creamcheese. Voltando ao hot roll de salmão do Meu Sushi, vale lembrar que mandaram um molho tarê para acompanhar e fica sensacional, esse é um dos melhores pratos deles, peçam!!

Seguindo, como eu estava com amantes de sashimi, pedimos um Sashimi mix 32 fatias por volta de 150 reais. Diferente de outros restaurante japoneses que me decepcionaram quando enviaram sua própria seleção de sashimis, O Meu Sushi mandou bem, graças a Deus, afinal 150 reais não é barato, mas recompensou, afinal mandaram bem no polvo que eu gosto demais.

Antes de você ver o prato na sua frente, você pode pensar que 32 fatias de sashimi é pouco para 4 pessoas, mas confie em mim, não é, no final nos esforçamos para não deixar nada pois acabou sendo sashimi demais! Todos peixes estavam bons, o polvo, salmão e atum estavam gostosos, fiquei feliz com o polvo, não tem nada pior do que ficar disputando fatias de peixe com as pessoas que você está comendo, mas com essa variedade e quantidade, ficou tudo mais fácil. Vejam abaixo mais duas fotos:

Seguindo, vamos ao evento principal para mim, os nigiris! Para mim não tem erro, o melhor tipo de sushi é o com arroz e fatia de peixe em cima, sou capaz de comer só isso num jantar japonês. O pedido foi o Degustacao de Duplas por volta de R$ 120,00! Veio mais do que eu esperava e mais variedade, inclusive com muitas ovas em sushis gunkan estilo djos.

Como vocês podem ver pela foto principal acima, vieram 4 nigiris de cada tipo, salmão, atum, polvo, prego entre outros que veremos abaixo. Os nigiris do Meu Sushi são o que eu espero de um restaurante japonês não super tradicional, não espero que me surpreendam, apenas que me agradem e matem a vontade de um sushi gostoso, com peixe fresco e arroz bem temperado.

Além dos nigiris da foto acima, também tiveram outros sushis que acompanharam este super combinado degustação de duplas, vejam abaixo os gunkan com ovas e o famoso e os amados djos:

Todos estavam ótimos, eu acho que hoje em dia restaurantes japoneses não devem pensar mais em não usar ovas em seus sushis, os amantes de comida japonesa já estão mais que preparados para dar os próximos passos e experimentar novos sabores, então eu mais que aprovo servir sushis com ovas! O único fato negativo, se podemos dizer isso, são os sushis de kanikama, mas acho que não cabe muito essa reclamação, afinal o nome do prato é combinado degustação de duplas, então é de se esperar qualquer tipo de sushi. O ruim são os restaurantes que focam em kani, o que não foi o caso.

A seguir, um dos pratos mais gostosos que o Meu Sushi possui, o Salmão selado sobre purê com wasabi R$ 59,90. Este prato é sensacional por alguns motivos, primeiro que não vem uma fatia fina sequer, elas são bem generosas e até um pouco mais do que deveria, pois alguns pedaços se desfizeram quando pegamos com os hashis. Falando um pouco mais, o salmão selado veio com crosta de gergelim, uma delícia e agora a melhor parte de todas: o purê de wasabi. O salmão selado com crosta de gergelim vem sobre uma caminha de purê com tempero de wasabi, não achem que é ardido demais, não é! O sabor fica apenas um pouco mais desenvolvido e sofisticado, aprovadíssimo!

Deem uma olhada numa outra foto, é de encher de água e boca!

Gente, o pedido foi esse, o que acharam? Além desses pratos, vieram brigadeiros de colher para sobremesa como cortesia que eles sempre enviam! Demais! Dá vontade de pedir sempre! Claro que o Meu Sushi não é barato, mas é moderno e a comida possui um quê de estilo japonês tradicional, com poucas invenções sem pé nem cabeça como vemos por aí, do corte dos peixes aos pratos quentes. Com exceção de alguns pratos exclusivos, mas que aprovo, como o salmão selado com crosta de gergelim sobre purê de wasabi.

Em São Paulo, dentre todos restaurantes japoneses com delivery que teste, escolho o Hideki para ir e frenqüentar (sobretudo no buffet do almoço), mas sem dúvida o Meu Sushi Delivery é o melhor delivery de comida japonesa para pedir e comer tranquilo e feliz em casa, pois eles são especializados mesmo, o foco deles é o delivery, não atendem no local, apenas para retirar e lembrem-se, pode pedir até 3h de manhã!

Áreas de entrega e cardápio em www.meusushi-delivery.com.br

Bom, vou ficando por aqui hoje!

Abraços

Gourmet San

Restaurante São Paulo Tokyo Sushibar

Olá a todos!

Gourmet San visitou o famoso Sushibar São Paulo Tokyo, do chefe Mário Tucillo, que já apareceu até em programas na TV! O restaurante fica localizado na Rua Borges Lagoa, 1172, (11) 5081-6444 (www.saopaulotokyo.com.br).

Fazia tempo que eu queria visitar o Restaurante São Paulo Tokyo, é um restaurante que sempre aparece na mídia! Visitamos o restaurante do Chefe Mário numa sexta-feira a noite e, assim como no restaurante Ponkan, foi fácil de estacionar na rua, porém fico curioso se é devido ao período de férias de julho, caso não queira se preocupar, deixe no vallet da porta.

Diferente de muitos restaurantes, eles possuem uma equipe completa na porta: vallets, seguranças, hostess e garçons. O Chefe Mário Tucillo também estava presente! E como o Gourmet San aqui sempre quer sentar no balcão quando possível, liguei antes e fiz uma reserva para 2 lugares!

O restaurante São Paulo Tokyo tem 3 propostas: a la carte, rodízio e menu degustação! O rodízio fica por R$54,00 reais, um preço bem ok se você for pensar a média dos rodízios por aí, mas temos de ver se a comida está a altura, certo? Já vimos rodízios de todos os tipos! Bom, além do balcão, você tem a opção de mesas e tatames com espaço para os pés (importante)!

Não enrolando mais, vamos falar de comida, vocês vão sair com o apetite aberto, já aviso! Como é de praxe nos restaurantes japoneses minimamente organizados, o São Paulo Tokyo possui um cardápio apenas para o rodízio. Foi bom ter lido que incluía polvo e sushis com camarão e ovas. E que claro que, como todo restaurante que inclui esses itens mais caros, eles os servirão de acordo com o pedido do freguês, então se você gosta, peça!

Antes mesmo de pedirmos as entradas, nos serviram um usuzukuri de tilápia no molho ponzu! Quase nunca vejo os restaurantes usarem esse peixe, que é muito gostoso e macio. O prato estava ótimo, só acho que podia ter um pouco menos de molho! É incrível como as influências peruanas do ceviche estão por todas as partes, veja as cebolas roxas acompanhando!

Depois fomos direto para as entradas: guioza, harumaki de legumes, shimeji e shitake! Tanto o shimeji (a direita) como o shitake (a esquerda) estavam bons, saborosos, talvez um pouco puxado demais na manteiga. Não acredito que precisamos da culinário japonesa para conhecer mais os cogumelos…ter ficado apenas no champignon por tanto tempo foi um erro!

As outras entradas estavam boas também! O restaurante trouxe tudo no mesmo prato e com o molho agridoce já no harumaki, acho um pouco exagero quando trazem diversos pratinhos para tudo! Ambos estavam gostosos, os guiozas, apesar de serem fritos, estavam bons (seriam melhores se feito no vapor). Os harumaki eram de legumes, ainda bem, nada pior quando o garçom diz que só tem de queijo! Poxa se quero comer pastel de queijo vou na feira!


Nos serviram uma entrada com sushis e sashimis especiais! Ótimo começo, não?

Gostei muito deste sushi de trás, com atum e ovas, ele estava demais!! Me lembrou muito um que comi no Uo Katsu! O outro fato que vale salientar é o sashimi de salmão que foi apenas levemente chamuscado! Já descobri que quando fazem esse processo em excesso fica pesado, mas esse estava na medida! Se vocês prestarem atenção, há pedacinhos de morango para acompanhar o prato. É algo que o Mori Sushi ensinou ao Gourmet San: morango combina com sushi, aliás mais do que manga!

Seguindo o jantar, um prato que entra para a lista dos mais belos já servidos ao Gourmet San! Duas colheres de porcelana contemplando vieiras canadenses!!

Vejam que prato bonito e posso afirmar que é muito delicioso também, vieira é um prato top! Tem uma textura super macia e o sabor é extremamente suave, pena que não dá para comer sempre. Perguntei se isso fazia parte do rodízio, o Chefe Mario assumiu a questão e disse que o restaurante sempre tenta inserir, quando possível, alguns ingredientes mais exóticos que fazem parte do menu degustação! Essa proposta é simplesmente fantástica e deveria servir de exemplo para todos restaurantes!

Partindo deste assunto, puxei conversa com o Chefe sobre o menu degustação! O valor é de 98 reais e segundo o próprio, quem pede geralmente são clientes de longa data da casa e que conhecem um pouco mais de comida japonesa. Perguntei também sobre a quantidade e ele disse que, apesar de ser um sistema com quantidade fixa, no meio do menu o pessoal já começa a ficar mais cheinho! Hahaha!

Aproveitei para falar sobre o blog e sobre a proposta com que trabalhamos aqui, sempre buscando expandir os conhecimentos de nossos leitores e de nós mesmos, para que a gastronomia japonesa continue se desenvolvendo! Perguntei se ele não queria dar uma amostra do menu degustação para vocês irem lá com uma opção além do já batido rodízio que está presente em 90% dos restaurantes japoneses que conhecemos! Mário, super solícito, nos ofereceu 2 pratos fora de série!!

O primeiro é um sashimi de atum temperado com sementes de papoula e molho a base de wasabi:

Eu juro, não tem explicação este prato, só experimentando mesmo, são sabores que nunca tinha provado antes, mesmo já conhecendo o sabor do atum e do wasabi! Sem dúvida foi um dos pontos altos da noite e me fez ficar com vontade de voltar outro dia para experimentar o menu degustação!

O segundo prato é uma festa de iguarias! Sobrepostos sobre as fatias de salmão vocês tem: água-viva (vermelhinha), vieira canadense (branquinha) e filhotes de enguia (são fáceis de identificar)! O prato estava temperado com flor de sal e azeite de trufas brancas, chique não?? Comi este prato de formas diferentes: tudo junto, como vem no prato, e cada ingrediente separado!

Não tem como, iguarias são um outro lado da culinária japonesa, em gosto, textura, aroma, tudo! Não é para todo mundo, mas recomendo sem dúvida experimentar. Amplie seus horizontes! Saia do sashimi com salmão de sempre! A água-viva é mais durinha e com sabor adocicado, sobre a vieira eu já citei acima, os filhotes de enguia são azedinhos e crocantes!

Para continuar o jantar, claro que não poderia faltar o clássico combinado de sushi e sashimi não é mesmo? Vejam abaixo:

Vamos começar com o sashimi de salmão em forma de flor (hanna)! Deem uma olhada num detalhe importantíssimo e que faz toda diferença, as fatias de laranja entre cada sashimi de salmão, vocês não tem idéia como o sabor muda! É incrível mesmo, fica totalmente diferente, o peixe absorve o sabor da laranja! Eu só achei a quantidade um pouco demais para duas pessoas!


Seguindo, não podemos esquecer deste sashimi branco que vocês estão vendo aí em cima, parece peixe prego não parece? Pois bem, é peixe prego! Mas ele passa por um processo especial onde seu sabor e textura mudam drasticamente (graças a Deus!). Foi uma das maiores, se não a maior surpresa do jantar, transformaram um peixe que eu não gosto muito, num prato delicioso! Pra mim gastronomia tem muito a ver com isso, trabalhar diferentes sabores.

Além destes 2 sashimis, o polvo estava sensacional! Conversei com o sushiman Luciano, que estava nos servindo e ele disse que eles não cozinham o polvo na água, eles usam uma técnica diferente! Mas o resultado é incrível, com sabor característico e muito, mas muito macio mesmo!


Os enrolados estavam todos ok, porém todos tinham um detalhe como o morango no hot holl, a couve frita, os flocos de tempurá e fatia de limão no salmão skin! Os nigiris tinham um bom tamanho, porém se tem um enrolado que não me agradou foi o doce, com geléia em cima (vejam na foto abaixo). Sem dúvida nenhuma muitas pessoas gostam, pois vejo esse enrolado em tudo quanto é restaurante, porém eu mesmo não gosto.


Após terminar o combinado (ou pelo menos tentar), estávamos satisfeitíssimos e impressionados, o Sushibar São Paulo Tokyo mandou muito bem mesmo. O sushiman Luciano nos perguntou se queríamos algo mais e fizemos uma forcinha e pedimos, hahaha! Sentimos falta de algum sushi com camarão. Rapidamente ele nos serviu este sushi abaixo, que faz parte do rodízio:

Estava gostoso, ok, só achamos que talvez o creamcheese tenha sido um pouco demais e não deu pra sentir o sabor do camarão muito bem. Luciano também nos serviu um outro prato, fatias de salmão com sal negro do Havaí! Incrível como traz um sabor diferente, muda totalmente a sua expectativa sobre o salmão!


De sobremesa, como estávamos já pra lá de satisfeitos, rachamos um sorvete de chocolate! Mas eles tem tortas também, como de chocolate e limão.

Minhas impressões tinham sido muito boas durante o jantar, mas quando sentei para escrever esta análise, percebi quantos pontos realmente foram marcantes! Pois bem, parti do São Paulo Tokyo Sushibar com um pensamento: voltar para experimentar o menu degustação com iguarias. E também com uma certeza: é um dos melhores custo-benefício de rodízios de sushi em São Paulo, mas tranquilamente…!

Abraços

Gourmet San

Restaurante Matsuya Moema – rodízio custo benefício

Oi gente, tudo bom?

Ontem a noite fui pela 2a vez ao resturante Matsuya. Na 1a ocasião visitei o endereço do Bairro da Vila Mariana, Rua Leandro Dupre, 848, e ontem fui no de Moema, Av. dos Imarés , 457. As casas realmente seguem um padrão, é como se você tivesse ido ao mesmo local. Mas vamos falar de comida, né?

O rodízio de sushi desse restaurante japonês se encaixa naquele perfil dos que não oferecem coisas especiais, mas ao mesmo tempo não abusam do preço. Ou seja, é bom para matar aquela vontade de comida japonesa ou de ir com os amigos onde alguém ainda é iniciante na gastronomia japonesa ou não quer gastar muito, afinal não é qualquer restaurante japonês que você paga no jantar menos de 28 reais num rodízio de sushi.

O curioso é que o shimeji não faz parte do rodízio, com shimeji e mais algumas coisinhas sai uns 10 reais a mais…um tanto estranho, mas creio que isso se deve a grande procura de shimeji nos restaurantes japoneses, ouvi gente falando que comeu 3 bandejas de shimeji em 2 pessoas, que que é isso! vou abrir uma Shimejeria.

Bom, a única coisa que não gostei mesmo foi da receita de tempurá de legumes, eles não vêm todos juntos picados, eles vem um a um, até que tava bonzinho.

É preciso enfatizar um lado bem interessante do Matsuya: eles possuem um rodízio para pessoas vegetarianas!!  Você que é veggan, veja abaixo a foto de um combinado vegetariano!

Caso deseje que seu restaurante também seja analisado, envie email para contato@gourmetsan.com!