Home / Bairros / Sushi Isao, depois de 4 anos!
Sushi Isao buffet de comida japonesa

Sushi Isao, depois de 4 anos!

Pois é, vergonhoso!

Um dos principais restaurantes japoneses de São Paulo, com o buffet de comida japonesa mais famoso, levei 4 anos para retornar!

Uma explicação em minha defesa: tinha muitos outros restaurantes japoneses para eu visitar na Liberdade ainda, e todo esse tempo meu foco foi sempre conhecer lugares novos.

Meu intuito ao retornar foi justamente ver se eles continuavam iguais, a resposta logo de cara para vocês é: sim, o Sushi Isao continua o mesmo de 4 anos atrás!

Claro que os preços estão reajustados (não muito), o buffet almoço/jantar fica entre 80/90 reais, ou seja, compatível com o preço de rodízios bons de São Paulo.

Agora vamos falar um pouco mais o Sushi Isao. Ele fica ali na Liberdade, na Rua da Glória, 111, no segundo andar de um pertinho de fachada duvidosa. Antes ele ficava no primeiro andar, mas mudaram recentemente pelo o que percebi.

O Isao continua parecidíssimo, se não idêntico, balcão grande, ocupado pelas bandejas de sushis, sashimis, pratos quentes e outras opções como ostra, salada de berinjela etc. O ambiente estava agitado como eu bem lembrava, pessoas de um lado pro outro com pratinhos cheios e logo retornando com eles vazios.

 

Cheguei e sentei no canto do balcão, afinal estava sozinho. Inclusive, vocês podem ver minha mochila preta pendurada ali em cima a direita =)

Bom, logo de cara o que me fez abrir os olhos foi a bandejinhas de sushis gunkan de ovas:

Tinha uni, tobiko, massago e um de mix de ikura com salmão batidinho. Vou ser honesto, nenhum desses de ovas estava excelente, todos estavam ok…Claro que estamos num restaurante “coma até explodir”, e como canso de dizer aqui, qualidade da comida japonesa é inversamente proporcional a quantidade de comida que é servida. Mas não é todo dia que tem  uni (ovas de ouriço) a vontade, então é claro que enchi o prato de gunkans.

Aproveitei e também peguei um sushis de atum, hokkigai, polvo e ostras:

As ostras estavam bem temperadas e eram de tamanho médio. O atum estava fresco mas cortado sem precisão alguma. Mas no geral tudo estava gostoso, não posso negar. Se teve um ponto baixo foi o polvo, frio e borrachudo. Não tem jeito, depois que você come a receita de sashimi de polvo da família Aze-Shin-Kan, poucos lugares batem e muitos ficam longe!

Eu estava sentado no balcão, então tive visão privilegiada do que chegava e saía, além das conversas dos sushimans. Assim que um deles comentou com o outro que o uni tinha acabado, levantei e fui pegar os últimos na bandejinha. Aproveitei e fiz meu segundo prato:

Nesse eu repeti os gunkans e a ostra e peguei alguns enrolados. Desses enrolados, o ponto alto foi esse vermelhidão da direita, um de salmão batido com flocos de peixe, sushi que só tinha comido antes no Kai, do excelente chefe Paulo San. O ponto baixo foi o enrolado uramaki de shimeji, dei mais uma chance, mas não tem jeito, enrolado de cogumelo não dá certo!

No final das contas o Sushi Isao vale a pena? Sim, vale sim! Mas vou fazer agora uma análise um pouco maior. O sistema de buffet, como eu sempre digo, ele é dinâmico mas tem algumas complicações. A 1a é que a comida fica ali esperando, esperando e você não sabe quanto tempo, então não é a melhor das experiências.

Outra questão é do ponto de vista da experiência gastronômica, ou simplesmente do prazer de sentar e ter uma refeição. Com o buffet, você acaba se servindo e comendo muito rápido, o que te leva a se ver pagando a conta em menos de 30 minutos. Fica até uma sensação estranha internamente de pagar quase 100 reais numa refeição tão rápida.

Sobre o Isao em si, sei que ele tem fãs leais, eu mesmo tenho 2-3 amigos que segundos eles o Isao é o melhor de São Paulo. Bom, claro que não é o melhor de São Paulo, nem perto disso, mas se o posicionarmos junto aos rodízios, ele faz frente com os melhores em custo benefício. O único ponto é que ele é super tradicional, não vai encontrar modernidades nem invencioníces.

Recomendo ir, mas não sozinho, vá em grupo para bater um bom papo e comer sem pressa. Chegue cedo também, para pegar tudo fresquinho.

Forte abraço

Gourmet San

 

Comentários

comments

05 Passos para Fazer Sushi

About Gourmet San

Formou-se na Escola de Comunicações da USP mas segue carreira em uma multinacional do ramo da tecnologia. Compartilha no Gourmet San toda sua paixão pela culinária japonesa, que veio da visita de mais de 100 restaurantes diferentes, de centenas de horas de vídeos no Youtube e de muita leitura e bate papo com itamaes. Apesar de seus amigos acharem que ele só come sushi, não dispensa de forma alguma uma boa pizza ou um cheesebacon maionese.

7 comments

  1. Concordo com tudo. Sempre fui fã do Isao na categoria buffet, sempre achei o polvo borrachudo, o ambiente meio apertado (oque na minha opinião te leva a comer rápido pois sempre parece que vão fechar o restaurante tamanho corre corre do lugar) mas acho todo o resto muito gostoso, apesar de estar com certa desconfiança depois de pedir várias vezes formal e informalmente em conjunto com o site suppaduppa pra fazer um vídeo sobre o lugar e com o senhor Isao e eles sempre fugindo do assunto. Eles sempre tiveram os dois andares, e revezam em determinados dias e horas pelo que me lembro. Recomendo também os outros dois restaurantes do prédio, Mugui e o outro que não me recordo o nome. Abs

    • Valeu pelo comentário Daniel! Só não entendi um ponto, você confiou o senhor Isao e o restaurante para fazer um vídeo?

      abs!

      • Iamos fazer um videoweb sobre a história do Sr. Isao e sobre o restaurante, tentamos várias vezes marcar por telefone e pessoalmente mas sempre desconversavam, falavam que iam perguntar ao Isao e nunca nem foi perguntado, enfim, não entendi o porque, mas de qualquer maneira é um ótimo buffet.

  2. Honestamente, não acho que o Isao valha a pena.
    Se fosse um pouco mais barato, talvez, mas, pelo preço cobrado, penso que temos opções bem melhores na Liberdade (um exemplo é o Itidai, em que o rodízio sai por R$ 69,00 no jantar).
    Além de os pratos quentes do Isao não me agradarem (assim como os do Itidai), os sushis de lá também não me agradam.
    Talvez a única vantagem do Isao seja a variedade de sushis, pois sabemos que é raro encontrarmos uni, ostras, etc., em rodízios, mas a qualidade dos peixes, na minha opinião, deixa muito a desejar.
    Imagino que o salmão seja o carro-chefe de grande parte dos rodízios japoneses (é o que mais vejo as pessoas comendo/pedindo).
    Nas vezes que fui ao Isao, a qualidade do salmão era bem duvidosa (e eu sempre cheguei cedo).
    Outra coisa decepcionante no Isao: lá não tem sashimi!
    Antes que atirem uma pedra em mim, alguém que já foi ao Isao tem coragem de chamar aquelas tirinhas de peixe de sashimi?
    Para não ser injusto com o restaurante, acho o pudim de lá delicioso.
    Sobre qualidade x quantidade, concordo em partes com você, meu caro Gourmet San.
    Basta lembrarmos, por exemplo, do Mori (só conheço o da Consolação) e do próprio Itidai.
    Óbvio que entendo o que você quis dizer, mas, comparando o Isao com esses dois restaurantes, acho que ele fica muito aquém.
    Abraços!

    • Valeu Paulo!

      Excelente comentário!! Obrigado por escrever!

      Concordo com todos seus pontos. Acho que o Isao tem seu valor, mas é muito mais para um público fiel do que para atrair novos clientes que já conhecem/possuem um paladar bom para comida japonesa.

      Como comentamos ambos, é difícil algum lugar que tenha ostra, tempurá de camarão e ovas a vontade como lá, porém……a qualidade realmente é mediana.

      Durante o post, esqueci de mencionar o finado (acho?!) buffet do restaurante Hideki, que apesar de ter sushis frios demais, tinha ostras e tempura melhores que o do Isao.

      abraços e seja sempre bem vindo a escrever!!

  3. O Tanka que fica na Liberdade e o Miso que fica no Itaim tem o mesmo sistema que o Isao, mas tem um ambiente muito mais agradável e mais opções de comida! Recomendo bastante!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*