Home / Preço / Acima de 150 reais / Os melhores de SP em 6 semanas epi 6: Shin Zushi
Os melhores de SP em 6 semanas epi 6: Shin Zushi sashimi toro

Os melhores de SP em 6 semanas epi 6: Shin Zushi

Olá a todos,

Depois de um atraso de quase 1 mês conseguimos finalizar a lista dos melhores restaurantes japoneses de São Paulo. Hoje é o sexto e último episódio de uma série especial, todo domingo a noite, tivemos um post inédito sobre um restaurante japonês top de São Paulo e seu menu degustação (omakasse).

As visitas foram feitas por um enviado especial do Gourmet San, o Will, um colega fanático por comida japonesa e que visitou apenas as indicações dos melhores! Foi assim, através de indicações minhas e uma pré-lista dele que se deu início a o que talvez tenha sido uma das maiores sagas de restaurantes japoneses, ele percorreu os melhores restaurantes japoneses seguidos, um por semana! Então ele tem a visão única do atual estado dos melhores!

Para fechar com chave de ouro, nada melhor que um dos mais tradicionais restaurantes da cidade, o Shin Zushi, chamado carinhosamente de Shin. Eu já tive oportunidade de visitá-lo, num jantar tranquilo entre amigos, onde você pode ler aqui. Ele fica localizado na R. Afonso de Freitas,169, no bairro do Paraíso, tel 11 3889-8700.

O Shin tem história viu, se tem! Só para vocês terem uma idéia, eles possuem como se fosse um convênio ou intercâmbio com um restaurante no Japão que eles chamam como se fosse a matriz de todos. Do Shin e desse intercâmbio já participaram o Edson Yamashita (Aze Sushi) e o Egashira Keisuke (Sushi Kan), então o negócio é sério, rs. Hoje quem está a frente do balcão da casa é o Ken Mizumoto (primo do Edson) e seu irmão Nobu.

Com toda essa história um ponto vocês já devem imaginar, o Shin não cobra barato, aliás ele é bem carinho. Claro que na lista desses melhores de SP, nenhum restaurante é barato, mas talvez o Shin seja dos mais salgados. Em geral a impressão dos clientes é mista, alguns acham o local magnífico e justo e outros o acham insanamente caro. É entre essas e outras que o famoso blogueiro paulistano cult-undergroun JB (boteco do JB) fez uma crítica ferrenha ao restaurante recentemente que recomendo que todos leiam com pensamento crítico, afinal ele não tem papas nas línguas.

A visita de hoje não foi feita por mim, assim como as outras dessa série especial também não. Elas foram feitas pelo Will, então vamos as considerações dele, mas antes disso, as fotos é claro. Já digo vejam todas, elas são magníficas, os sushis e pratos servidos realmente são incríveis!

Muito bom né? Digo novamente: Muito Bom! Claro que por 250 pilas, tem de ser muito bom mesmo!

Segundo o Wil os ingredientes são dos melhores e a vantagem de se pedir o omakase é que vão te servir sempre o melhor que a casa possui, então a possibilidade do tiro ser certeiro é grande. Somado a isso a vantagem é que o omakase provavelmente sempre será diferente, o que te permite voltar lá outras vezes.

Alguns pratos foram inéditos, como o excelentíssimo tempurá de milho (que Will disse que repetiria infinitas vezes), cabeça de polvo empanada e variações de ostras. A impressão que ficou é que o Shin Zushi caminha no meio termo entre o super tradicional Sushi Kan e a nova geração de restaurantes da cidade (Nakka, Geiko San, Aya etc).

O ponto fraco apontado pelo Will é que o processo do omakase é um pouco demorado (perto de 2h), o que faz com que o restaurante fique cheio e demore um pouco mais ainda. Se formos comparar com o Sushi Kan, o Egashira é uma máquina, pois serve o omakasse em 45min (ok que o Sushi Kan é super pequeno). Outro ponto baixo é evitar ir no começo do ano onde os fornecedores ainda estão fechados ou em marcha lenta e s disponibilidade de ingredientes não está no pico.

Will foi enfático sobre o tako (polvo), disse que é incrivelmente macio, aliás, comentamos que a receita de tako da família Aze-Kan-Shin deve ser a melhor da cidade mesmo, pois todos fazem polvo melhor do que todos os outros restaurantes juntos. Os molhos também foram um ponto alto da noite, todos combinavam e elevavam os pratos.

Bom, é isso, Will posicionou o omakasse do Shin Zushi como o segundo melhor da cidade, só atrás do Sushi Kan e disse que realmente o lugar é carinho.

Falando em preço “carinho”, vamos falar sobre a review do boteco do JB? O post dele, muito bem escrito como sempre, transparecem uma realidade complicada do Shin Zushi, uma possível incompatibilidade entre o preço cobrado e o servido, mas o que acontece é que o restaurante é caro mesmo e no sistema de omakase não tem jeito, um dia você vai comer toro de blue fin e no outro chutoro de atum bati, a partir daí cabe ao restaurante querer ajustar os preços ou não.

Esse assunto todo é polêmico e prometo um post especial analisando a realidade foodie-gourmezística-instagramzística da cidade em breve, se escrevesse aqui seria encher lingüiça no lugar errado.

abraços!

Gourmet San

 

Comentários

comments

05 Passos para Fazer Sushi

About Gourmet San

Formou-se na Escola de Comunicações da USP mas segue carreira em uma multinacional do ramo da tecnologia. Compartilha no Gourmet San toda sua paixão pela culinária japonesa, que veio da visita de mais de 100 restaurantes diferentes, de centenas de horas de vídeos no Youtube e de muita leitura e bate papo com itamaes. Apesar de seus amigos acharem que ele só come sushi, não dispensa de forma alguma uma boa pizza ou um cheesebacon maionese.

2 comments

  1. Opa blz?? O post do JB foi muito interessante,pois, a crítica dele é a de que mesmo os produtos não foram de primeirissima linha,o valor cobrado não se alterou, nessa parte até concordo viu, pois, já fui em muitos restaurantes onde o sushiman (muitas vezes o dono do local) vai ditando para a caixa o valor do omakase dependendo do que estava disponível de melhor (subindo ou descendo os valores) e até entendo o preconceito dele com os “foodies”, muitas vezes a pessoa vai no local pelo nome e não pensando na qualidade do que vai comer (algo até besta mas que acontece muito) o Shin é um dos locais que não fui e estou vendo um dia para ir, mas acho que ficarei de teishoku, mas ta ótimo essas matérias, agora preparar o bolso (ui!)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*