Home / Bairros / Dô Culinária Japonesa – Novamente Incrível (salmão selvagem, buri toro…)
Dô Culinária Japonesa - Uramaki sushi de siri mole soft shell crab

Dô Culinária Japonesa – Novamente Incrível (salmão selvagem, buri toro…)

Olá a todos!

Depois de um bom tempo querendo retornar ao Dô Culinária Japonesa, finalmente consegui um tempinho e fui! Estava ansioso para repetir os excelentes sushis que a talentosíssima sushiwoman Alice prepara. Claro que sempre há aquela dúvida se a experiência será tão boa quanto ou se tinha sido apenas um dia de sorte.

Repeti tudo que fiz da primeira vez, fui sozinho e sentei no balcão.  E…a primeira coisa que fiz foi ver se dessa vez eles tinham siri-mole, famoso nos EUA pelo nome softshell crab. Para quem leu a 1a review que fiz do Dô sabe que eu tinha pedido este mesmo prato mas eles estavam sem, então acabei trocando por um de camarão empanado.

Enquanto isso conversei com a Alice para saber o que ela me recomendava e se seria uma boa eu pedir o Sushi Especial (R$ 135,00) que seriam 12 sushis especiais do cardápio. Ela me disse pra ir com calma e pedir unidades e caso chegasse a 12 sushis, ela fechava o Sushi Especial no pedido, gostei muito da idéia e daí tirei o pé do acelerador e me acomodei na cadeira do balcão.

Rapidamente chegou o meu tão esperado uramaki de siri-mole:

Absolutamente delicioso! No ponto, crocante por dentro, macio por fora e super saboroso, o valor sai por volta de 20 reais! Tentei comer o mais devagar possível para durar, haha, saboreei cada bocado!

A seguir, me voltei para a Alive e perguntei o que ela recomendava! Ela disse que o Buri estava excelente! Então eu confiei nela e disse: manda ver! Vamos conferir esse buri!

Eu juro, nada que eu pudesse prever teria me preparado para o que veio, vejam abaixo:

Absolutamente lindo! Na verdade se tratava de um buri toro, ou seja a parte da barriga de um Buri bem gordinho (agradecemos ao inverno por isso). Foi um dos melhores sashimis que já provei! O valor não foi barato, qualquer sashimi toro no Dô sai por 30 reais.

Para completar, como forma de cortesia, a Alice quis me mostrar um outro sashimi de buri do mesmo peixe, só que não tão gordo, segue:

Foi muito interessante ver e provar sashimis diferentes de um mesmo peixe, a consistência deste era um pouco mais firme e o sabor mais pronunciado. A experiência foi muito válida, afinal, quando temos chance de provar variações do mesmo peixe?

Bom, chegou a hora dos sushis, que são o ponto alto das habilidades da Alice! Disse para ela me servir o que ela achava que valia mais a pena e o que estava bom no dia.

O movimento estava enorme no restaurante, todas mesas ocupadas e gente esperando do lado de fora, e o sushibar não parava, mesmo assim meus sushis não demoraram e logo ela me serviu um nigiri de pescada branca com nori e um atum chutoro (semi gordo):

Estavam muito bons! O de pescada branca foi a 1a vez que provei, mas sushis com nori não são novidade para mim, já comi em alguns outros lugares, por incrível que pareça eu não consigo me adaptar, o nori sempre parece que atrapalha um pouco na hora de mastigar, mas é frescura minha, haha. Já o segundo sushi estava divino, um atum chutoro farto e montado com excelência, comeria uns 10!

Bom, agora que eu tinha me aquecido, era hora de mandar ver, e foi o que fiz, peguei o cardápio e pedi 5 sushis!

Os primeiros foram enguia (unagui), uni (ovas de ouriço) e cavalinho (recomendação da Alice):

A enguia estava ok, com o sabor característico e quentinha como deveria ser, mas não me arregalou os olhos. Já com o uni foi diferente, super geladinha, refrescante e no capricho, não posso negar que a quantidade de ovas de ouriço foi excelente! Por fim, a maior surpresa, a cavalinha! Super comum ser um peixe beeeem pesado e que te deixa com aquele hálito de porto de Santos, mas não foi o caso, estava super suave!

Os outros 2 sushis foram um uma recomendação da Alice e um que eu pedi. Vejam abaixo:

O primeiro sushi é um nigiri sushi de salmão selvagem! Foi uma surpresa enorme! Vocês podem ver a diferença clara da cor e textura, não há as clássicas listras brancas e o peixe possui mais nervurinhas. Sobre o sabor, posso dizer que é muito diferente do sabor do salmão convencional, ele é bem mais forte e lembra um pouco mais o atum. Vale a pena mencionar também que eu vi a Alice tirando o filé para o preparo, a cor salta aos olhos, é um vermelho alaranjado muito forte.

O segundo sushi é um enrolado de pepino com spicy tuna (atum com tabasco) por cima, estava bom, mas sem dúvida sushis com pepino não são meus favoritos. Apesar de eu achar que sushis onde há um sabor muito agressivo, como atum apimentado, necessitam de um outro ingrediente para equilíbrio, como o pepino, sempre sinto que tanto a consistência como a temperatura e sabor do pepino são muito predominantes em todas situações.

Bom, cheguei ao final de mais uma refeição no Dô Culinária Japonesa, como da outra vez, sushis excelente e peixes de muita qualidade. Outro ponto a salientar é que eles trabalham com ingredientes exóticos como o salmão selvagem (que sem dúvida não é sempre que eles têm disponível).

O preço não é barato, se você realmente sentar para comer e encher a barriga, vai gastar mais de 100 reais por pessoa, mas você tem de se focar no que eles possuem de melhor, se você for e pedir combinados padrão, é o que terá, apesar dos peixes continuarem sendo de qualidade. Recomendo a visita!

Abraços

Gourmet San

 

Comentários

comments

05 Passos para Fazer Sushi

About Gourmet San

Formou-se na Escola de Comunicações da USP mas segue carreira em uma multinacional do ramo da tecnologia. Compartilha no Gourmet San toda sua paixão pela culinária japonesa, que veio da visita de mais de 100 restaurantes diferentes, de centenas de horas de vídeos no Youtube e de muita leitura e bate papo com itamaes. Apesar de seus amigos acharem que ele só come sushi, não dispensa de forma alguma uma boa pizza ou um cheesebacon maionese.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*